Descubra 17 frutas que o seu cachorro pode comer

Separamos uma lista com 17 frutas que seu cachorro pode comer sem problemas, quais os seus benefícios e como usá-las na dieta canina.
Cachorro deitado com pêssegos

As frutas são excelentes opções para fornecer diversos nutrientes que os cães necessitam, além de tornarem a sua dieta bem mais interessante. Porém, é preciso tomar cuidado: não são todas as frutas que podem ser oferecidas aos cachorros e, algumas, na verdade, são extremamente tóxicas.

Nesse artigo, nós vamos ensinar a você quais frutas que seu cachorro pode comer e podem ser dadas sem peso na consciência, quais os seus benefícios e como usá-las na dieta canina.

Por que incluir frutas na alimentação do seu cachorro?

Os benefícios da ração para os cachorros são bem conhecidos. Por já ser preparada pensando nas necessidades nutricionais que os cachorros normalmente têm, a ração previne muitas doenças, aumenta a longevidade do pet e torna as coisas bem mais fáceis para os tutores, que não precisam montar uma dieta completa para os seus amiguinhos.

Por outro lado, a importância da ração leva muitas pessoas a crerem que somente ela deve ser usada na alimentação canina. Isso, no entanto, não é correto. É possível e até muito benéfico variar a alimentação dos nossos cães, inserindo, inclusive, alimentos frescos como as frutas.

Lista de frutas que seu cachorro pode comer

Banana

Cachorro comendo banana

A banana é fonte de vitaminas A, B e C, de fibra alimentar e de minerais muito benéficos para o organismo do cão. Entre os minerais está, por exemplo, o potássio, que ajuda no bom funcionamento dos músculos, e o cálcio, essencial para os ossos. É preciso tomar cuidado, no entanto, com o alto nível de açúcares da banana. Os cães devem consumi-la de forma moderada e sempre sem a casca.

Veja também: Cachorro pode comer banana?

Laranja

Cachorro branco comendo laranja

É bastante comum a dúvida quanto a cachorros poderem ou não comer laranja, assim como outras frutas cítricas. Laranjas e outras frutas cítricas podem, sim, ser usadas na alimentação canina, mas com moderação. A laranja é uma boa fonte de vitamina C e de antioxidantes. Deve-se, no entanto, evitar que o cachorro consuma a casca e as sementes, pois elas contêm um óleo que pode irritar a pele e a mucosa.

Veja também: Cachorro pode comer laranja?

Maçã

Cachorro comendo maçã em uma árvore

Maçãs costumam ser muito bem recebidas pelos cães, já que são facilmente digeridas e têm um sabor leve. São ricas em vitamina C e nas vitaminas do complexo B, além de fornecerem vitaminas A e E e fibras para os cães. Porém, é preciso lembrar de não oferecer o talo e as sementes da maçã. Essas partes contêm ácido cianídrico, uma substância potencialmente tóxica para os cães.

Veja também: Cachorro pode comer maça?

Morango

Cachorro cheirando morango na mesa

O morango é, com certeza, uma das melhores opções para enriquecer a dieta canina. Não há problemas em oferecê-lo com a casca e a semente, além de ser uma boa fonte de vitaminas A, B e C e de antioxidantes. Por outro lado, alguns cães podem ser alérgicos a substância que é responsável por dar cor ao morango.

Veja também: Cachorro pode comer morango?

Goiaba

Cachorro olhando para uma goiaba
Cachorro pode comer goiaba?

Rica em ferro e fósforo, e em vitaminas A, B e C. Além disso, a goiaba também ajuda a regular o funcionamento do intestino do cachorro. Não é preciso retirar as sementes, que são facilmente digeridas, mas deve-se retirar a casca.

Veja também: Cachorro pode comer goiaba?

Mamão

Cachorro comendo mamão no prato

O mamão é rico nas vitaminas A e C, bem como em minerais como o cálcio e o potássio. Por outro lado, por conter uma enzima chamada papaína, que acelera a digestão, o mamão deve ser oferecido com moderação para os cães.

Veja também: Cachorro pode comer mamão?

Melancia

Cachorro Husky Siberiano comendo melancia

A melancia é realmente uma excelente opção para os cães. Graças à sua grande quantidade de água, ela é ideal para aqueles dias mais quentes. Além disso, a melancia fornece vitaminas A e C para o organismo do cachorro. Lembre-se de retirar a casca e as sementes, que não são facilmente digeridas.

Veja também: Cachorro pode comer melancia?

Pera

Cachorro com uma pera

Peras são parecidas com maçãs quando se trata de alimentação canina. Elas também são uma boa fonte de vitaminas A, B e C. Deve-se, no entanto, oferecer as peras sem o talo e as sementes, pois eles também contêm o ácido cianídrico.

Veja também: Cachorro pode comer pera?

Manga

Cachorro com uma manga na boca

Uma fruta bem tropical e bem docinha, a manga é muito apreciada pelos cães. Elas lhes fornece vitamina C e fibras, que ajudam no bom funcionamento intestinal. Porém, é preciso moderação no uso de manga na dieta canina, pois sua grande concentração de açúcares pode contribuir para a obesidade. Além disso, lembre-se sempre de retirar a casca e a semente na hora de oferecer ao seu cachorro.

Veja também: Cachorro pode comer manga?

Melão

Cachorro pode comer melão?

Assim como a melancia, o melão é ótimo para a hidratação dos cães. É também rico em vitaminas B e C, além de fibra alimentar e potássio. Deve-se oferecê-la sem a casca e as sementes.

Veja também: Cachorro pode comer melão?

Polpa de coco

Cachorro com um coco

O coco é uma boa fonte de energia e de fibra alimentar e não costuma oferecer riscos para a saúde dos cães. Por, normalmente, acelerar o trato intestinal, deve ser oferecido com moderação.

Veja também: Cachorro pode comer coco?

Jabuticaba

Cachorro comendo jabuticaba

A jabuticaba possui muitos benefícios para a saúde dos cães e pode ser oferecida com casca e tudo, até porque é na casca que estão muitos de seus nutrientes. Ela é rica em antioxidantes, vitaminas B e C e minerais como ferro, cálcio e fósforo.

Veja também: Cachorro pode comer jabuticaba?

Mexerica

Pit Bull branco e mexericas no chao

Assim como a laranja, a mexerica é rica em vitamina C. De modo semelhante, deve ser oferecida retirando a casca e os caroços.

Veja também: Cachorro pode comer mexerica?

Caju

caju pendurado no cajueiro

Caju é rico em vitamina C, fibras e em minerais, como o ferro. Deve ser oferecido sem a castanha, naturalmente.

Veja também: Cachorro pode comer caju?

Abacaxi

Cachorro Dálmata olhando para um abacaxi

Cachorros podem comer abacaxi, mas com moderação. Por ser uma fruta bem ácida, pode causar irritação nas mucosas do pet. É rico em vitaminas A, B e C, em minerais como potássio, fósforo e cálcio, e numa enzima chamada bromelina, que auxilia na digestão.

Veja também: Cachorro pode comer abacaxi?

Pêssego

Cachorro deitado com pêssegos

É rico em fibra alimentar e em ferro. Deve-se retirar a casca e o caroço antes de dar ao cachorro.

Veja também: Cachorro pode comer pêssego?

Amora

Amoras no pé de amoreiras

Uma boa fonte de vitaminas A e C, de antioxidantes, de fibras e de potássio. Apenas tome cuidado para não dar muitas dessas frutinhas para o seu cão, pois elas aceleram a digestão.

Veja também: Cachorro pode comer amora?

Moderação sempre

Frutas são excelentes opções para diversificar a dieta dos cães. Elas fornecem nutrientes essenciais, como vitaminas, minerais e fibra alimentar, que nem sempre podem ser encontrados na quantidade ideal nas rações convencionais. Além disso, o sabor normalmente doce e a grande quantidade de água tornam as frutas muito apreciadas pelos cães.

Por outro lado, é preciso cuidado na hora de introduzir as frutas na alimentação canina. Em demasia, elas podem contribuir para a obesidade e para o mau funcionamento intestinal, por exemplo. E o foco deve estar sempre na poupa da fruta, já que outras partes podem ser dificilmente digeridas ou mesmo tóxicas.

Aqui nós apresentamos as frutas que seu cachorro pode comer, mas há também aquelas que são perigosas e ele não pode comer de jeito nenhum, como limão e uva. De todo modo, quando se trata da alimentação dos nossos amigos peludos, todo cuidado e moderação são essenciais.

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *