Tudo sobre a raça Shih-tzu

O shih-tzu é uma das raças mais queridas entre os amantes de cachorros. Conheça informações sobre suas características, personalidade, imagens, preço e muito mais.
  • Shih-tzu marrom e branco
  • Rosto de um Shih Tzu bege
  • Shih-tzu no jardim de flores
  • Shih Tzu deitado
  • Shih Tzu filhote
  • Características do Shih Tzu
  • Shih-tzu cinza
  • Shih Tzu fêmea
  • Preço do Shih Tzu
  • 3 filhotes de Shih Tzu
  • Shih Tzu branco e marrom na grama
  • Rosto de Shih Tzu
  • Shih Tzu manchado com a língua para fora
  • Shih Tzu marrom
  • Shih Tzu preto na grama
  • Shih Tzu sentado no piso

Nas últimas décadas, o shih-tzu se tornou uma das raças mais queridas entre os pets caninos. E isso certamente não aconteceu por acaso. Estes cãezinhos combinam uma belíssima aparência gentil com um temperamento carinhoso e muito brincalhão, tornando-se um excelente companheiro familiar. Também se destacam por sua inteligência e predisposição para aprender.

O shih-tzu se mostra muito apegado aos seus tutores e precisam receber atenção constante para se sentir confortáveis e amados no seu núcleo familiar. Então, se você está pensando em adotar um destes belos cãezinhos, te propomos conhecer melhor as principais características, o comportamento e os cuidados essenciais para oferecer uma vida saudável e feliz a seu animal.

Índice – você encontrará as seguintes informações nesse artigo:

  1. Ficha técnica do shih-tzu
  2. Características da raça
  3. Personalidade do shih-tzu
  4. Características físicas
  5. Cuidados básicos
  6. Cuidados com a saúde do shih-tzu
  7. Preço do shih-tzu
  8. Dúvidas sobre a raça
  9. Origem e história

Ficha técnica da raça Shih-tzu:

Adaptação
Bom para apartamento
Gosta de ficar sozinho
Gosta de outros cachorros
Gosta de gatos
Gosta de estar com a família
Higiene e saúde
Cuidados com a higiene
Riscos com a saúde
Solta pelos
Tamanho
Treinamento
Fácil de adestrar
Necessidade de exercícios físicos
Late muito
Gosta de brincadeiras
Características da raça:

Grupo: Grupo dos Toys
Altura média: 20 cm a 28 cm para fêmeas e machos
Peso: 4 a 7 kg para fêmeas e machos
Personalidade: Brincalhão, Afetuoso, Vivaz, Inteligente, Corajoso, Leal
Expectativa de vida: 10 a 16 anos

Características físicas do shih-tzu

O shih-tzu é um cachorro pequeno, que exibe um corpo compacto e alongado (notoriamente mais longo que alto), com dorso reto e peito profundo.

Shih-tzu fêmea branca

Seu corpo está integralmente coberto e protegido por uma densa pelagem que é formada por 2 camadas de pelos. A camada interna é mais densa, sendo composta por pelos mais grossos e curtos, com característica impermeável. Já a camada externa costuma ser exuberante, ostentando longos fios brilhantes. A maioria possui pelos lisos, porém o padrão da raça também aceita suaves ondulações na pelagem externa.

Sua pequena cabeça arredondada também é revestida por uma abundante quantidade de pelos, que podem se mostrar um pouco desarrumados nos cachorros mais ativos e aventureiros. Quando adultos, estes pelos caem sobre seus olhos e seu focinho, dando-lhes um aspecto de bigodudos.

As orelhas são cobertas por pelos lisos, cuja longitude pode se estender até suas patas dianteiras. A mandíbula é levemente pronunciada na parte inferior, ou seja, os dentes de baixo fecham à frente dos superiores.

Cores do shih-tzu

Os shih-tzu podem ter as cores:

  • Branco
  • Preto
  • Bege
  • Dourado
  • Avermelhado
  • Cinza
  • Branco e preto
  • Marrom e branco
  • Cinza e branco
  • Cinza e preto
  • Dourado e branco
  • Entre outras

Uma característica física muito interessante dessa raça é que podem ser reconhecidos exemplares com pelos de diferentes tonalidades e combinações de diversas cores. Inclusive, a própria Federação Cinológica Internacional (FCI), afirma que a pelagem do shih-tzu pode ser de qualquer cor.

Os exemplares mais “valiosos” possuem a ponta da cauda totalmente branca.

Devemos destacar que existem leves diferenças entre o padrão reconhecido pelo American Kennel Club (AKC) e o Kennel Club Europeu. O shih-tzu europeu é menor e mais robusto, com olhos grandes, cabeça e peito bem ressaltados em relação à sua pequena estatura.

Já o americano é notoriamente mais alto e magro que o europeu, porém com cabeça, olhos e peito de menor tamanho. Na maioria dos países, inclusive no Brasil, é mais comum ver um shih-tzu americano passeando pelas ruas e praças.

Resumo das principais características físicas da raça shih-tzu:

  • Altura: machos e fêmeas possuem estaturas bem parecidas e não devem superar os 26,7 centímetros de altura;
  • Peso corporal: de 4,5 kg a 7,3 kg;
  • Contextura física: corpo compacto e alongado, coberto por abundante pelagem formado por 2 camadas de pelos, com patas curtas e proporcionadas;
  • Pelagem: abundante e brilhosa, formada por 2 capas de pelos. A camada interna é composta por pelos curtos e densos. A externa, por pelos longos e sedosos, que podem ser totalmente lisos ou levemente ondulados;
  • Cores de pelagem: são aceitos pelagens uniformes, bicolores, tricolores e multicolores, em todas suas cores, tonalidades e combinações possíveis.
  • Cabeça pequena, orelhas caídas para frente e coberta por longas mechas, focinho curto e levemente pronunciado em relação à linha do crânio. As expressões faciais são seguras e amistosas;
  • Olhos: escuros, arredondados e brilhantes. Os olhos claros não fazem parte do padrão genético da raça e costumam ser um indicativo de albinismo.
  • Nariz: pequeno, e geralmente nas cores marrom ou preto. Alguns exemplares com pelagem de cor marrom avermelhado (a “cor de fígado”) podem ter o nariz da mesma cor que os pelos.
  • Cauda: de inserção alta, pode se dobrar sobre seu próprio extremo, e está sempre coberta por abundantes mechas.

Personalidade e temperamento do shih-tzu

O shih-tzu se sente muito confortável na convivência diária com os seres humanos e adora fazer novas amizades. São cachorros altamente sociáveis, enérgicos, carinhosos e brincalhões, porém também precisam ser devidamente socializados para aprender a se relacionar com as pessoas, com outros animais e também com próprio território.

Apesar de sua amabilidade, pode ser bem teimoso na hora de aprender as normas da casa e alguns truques ou tarefas que desejamos ensinar. Isso não significa que esta raça seja menos inteligente que as outras, mas sim que precisa contar com uma boa dose de dedicação e paciência de seus tutores para sua boa educação.

Personalidade do Shih Tzu
Os shih-tzus são cachorros carinhosos e brincalhões

Como são muito afetuosos e devotos a seus familiares, estes cãezinhos precisam receber atenção constante de seus tutores. Por isso, esta raça não é recomendada para quem passa muito tempo fora de casa ou para quem procura um cachorro mais independente.

Entretanto, é importante entender que o excesso de colo e de consentimento é contra produtivo na educação de qualquer cão. Pode custar dizer “não” a uma criatura tão fofa e amorosa, mas a superproteção incentiva as condutas possessivas e teimosas que aparecem facilmente nesta raça.

Diferenças entre o shih-tzu e o lhasa apso

Muita gente confunde o shih-tzu com cachorros da raça lhasa apso e, de fato, elas são bem semelhantes. Essas semelhanças não são por acaso: pelo que sabe-se da genética destes cãezinhos, estima-se que o shih-tzu surgiu a partir de diversos cruzamentos do lhasa apso com outras raças.

Porém, se observarmos bem, também podemos diferenciá-los por certos detalhes de sua morfologia. O shih-tzu é um cão braquicefálico, ou seja, possui o focinho achatado, quase alinhado com a linha do crânio ou um pouco retraído.

O lhasa apso, por sua vez, exibe um focinho mais alongado e que ultrapassa levemente a linha do crânio. A testa do lhasa é reta e a do shih-tzu é arredondada. Fica mais fácil perceber estas diferenças quando os cães estão tosados. Além disso, os olhos do shih-tzu são maiores e mais arredondados que os do lhasa apso.

Diferenças entre Shih Tzu e Lhasa Apso
Diferenças entre shih-tzu e lhasa apso

As diferenças são mais marcantes quando analisamos o temperamento destas duas raças. O lhasa apso é um cão de guarda que está sempre alerta para os estímulos estranhos em seu entorno. Por isso, seu grau de sociabilidade é bem menor que o do shih-tzu, que se revela quase sempre amável e curioso frente a novas pessoas ou novos animais.

O lhasa apso costuma se mostrar desconfiado quando chegam desconhecidos em sua casa, e são mais independentes que shih-tzus.

A história também os diferencia. O lhasa apso nasceu bem antes que o shih-tzu e, inicialmente, não foi criado como um cachorro para companhia, mas como guardião dos templos budistas do Tibet. Já o shih-tzu nasceu como um cão de companhia e, por isso, é um verdadeiro “pede colo” familiar.

Cuidados essenciais com um shih-tzu

Escovação do pelo

A pelagem do shih-tzu requer atenção constante para se manter bela e saudável. As escovações diárias serão essenciais para eliminar os pelos mortos e as impurezas, bem como para evitar a formação de nós.

Os pelos devem estar totalmente secos para uma boa escovação, pois é muito difícil desfazer os nós com a pelagem úmida.

Quantos banhos um shih-tzu deve tomar?

Os banhos podem ser dados a cada dois meses, em climas temperados, ou uma vez por mês em climas mais quentes, sempre com uma escovação prévia. Além disso, uma tosa a cada três meses será ótima para evitar que os pelos caiam sobre os olhos do seu cãozinho.

Além disso, lembre-se de limpar diariamente o entorno dos olhos, do nariz e da boca de seu pet. Como são muito ativos e curiosos, estes cãezinhos podem se sujar constantemente. É importante reforçar a higiene destas regiões sensíveis para evitar a proliferação de fungos, bactérias e outros micro-organismos possivelmente patológicos.

Também serão indispensáveis as escovações dos dentes de três a quatro vezes por semana, para evitar a formação de tártaro nos dentinhos de seu cão.

Quantos vezes devo passear com um shih-tzu?

O ideal é realizar de dois a três passeios diários, com 25 a 30 minutos cada um, intercalando sempre a caminhada e as brincadeiras com intervalos para descanso e hidratação. Como toda raça braquicefálica, eles não devem ser expostos a exercícios intensos ou prolongados.

Adestramento e socialização

Seu shih-tzu precisará de muita companhia para manter seu temperamento alegre e equilibrado, além de evitar comportamentos destrutivos pela ansiedade por separação. Será fundamental socializá-lo desde filhote para ensiná-lo a se relacionar com pessoas, animais e até com brinquedos.

Além disso, seu cãozinho precisará ser fisicamente e mentalmente estimulado para permanecer feliz e saudável.

O que um shih-tzu pode comer?

Como todo cão, o shih-tzu também precisa receber uma nutrição equilibrada para permanecer alegre, feliz e saudável. É importante escolher uma ração de ótima qualidade como base da dieta de seu cãozinho, além de respeitar as proporções e quantidades adequadas ao seu peso, tamanho e idade.

Lembre-se que a raça tem tendência à obesidade, então não exagere nos petiscos.

Saúde do shih-tzu

Como todo cão braquicefálico, o shih-tzu é muito vulnerável a problemas respiratórios, principalmente quando são expostos a mudanças climáticas intensas ou agentes alérgicos naturais ou artificiais (perfumes, pólen, mofo, ácaros, produtos de limpeza, etc). Por terem suas orelhas caídas e peludas, podem sofrer com inflamações e infecções de ouvido ou otites. Além disso, mostram uma considerável tendência ao sobrepeso e aos problemas odontológicos.

Com menor frequência, esta raça também pode apresentar as seguintes condições:

Assim como qualquer outro cão, ele deve receber uma adequada medicina preventiva para manter sua boa saúde e desfrutar de sua longevidade privilegiada. Para cuidar bem de seu melhor amigo, realize visitas ao veterinário a cada 6 meses, respeite o calendário de vacinação e não se esqueça dos tratamentos antiparasitários internos e externos.

Qual a expectativa de vida de um shih-tzu?

A expectativa de vida do shih-tzu é de 10 a 16 anos, dependendo do estilo de vida que leva cada cão. Apesar de sua aparência de um cachorrinho de pelúcia, ele é forte e resistente. Além disso, quando são bem cuidados e recebem muito afeto de seus familiares, estes pequeninos dificilmente adoecem.

Filhotes de shih-tzu

Os filhotes são totalmente carismáticos: pequeninos e peludos, ideais para abraçar e encher de mimos. Os pelos desta raça vão crescendo gradualmente, por isso, um filhotinho ainda tem os pelos curtos e, geralmente, volumosos. À medida que os pelos crescem, se tornam mais pesados e lisos, caindo na forma de um belíssimo manto brilhoso.

Dois filhotes de shih-tzu dormindo
Dois filhotes de shih-tzu dormindo

Quantos filhotes uma shih-tzu pode ter?

Uma shih-tzu fêmea, por cada gestação, pode parir uma ninhada de 3 a 4 filhotes. Estes pequeninos terão um crescimento acelerado ate seus 6 ou 7 meses, porém só se tornarão adultos a partir do primeiro ano de idade.

Se sua fêmea está grávida ou acaba de dar à luz alguns lindos cãezinhos, será muito importante controlar seu crescimento e ganho de peso semanal. Para isso, será fundamental contar com o acompanhamento de um médico veterinário durante toda a gestação e a partir do primeiro dia de vida dos filhotinhos.

Qual é o preço de um filhote de shih-tzu?

Atualmente, um filhote de shih-tzu pode custar de R$ 1.500,00 a R$ 4.500,00. O valor é calculado de acordo com a linhagem, o sexo e o canil de origem do seu cachorro.

Lembre-se de optar por canis confiáveis, que sejam devidamente registrados, e cumpram com as normas de segurança e higiene. Não é recomendável comprar filhotes diretamente com particulares, em pet shops ou na internet.

Dúvidas frequentes sobre o shih-tzu

O shih-tzu solta muito pelo?

Não, o shih-tzu não solta muito pelo, mesmo tendo uma pelagem grande e abundante. É considerado um cão hipoalergênico e, por isso, é recomendado para adultos e crianças que possuem algum tipo de alergia respiratória ou cutânea.

Mesmo assim, estes cãezinhos devem receber escovações diárias para eliminar o pelo morto e evitar a formação de nós em sua pelagem.

O shih-tzu late muito?

O shih-tzu late muito para alertar sobre algum perigo ou quando passa muito tempo longe de seu dono, já que é comum sofrerem de ansiedade por separação.

O shih-tzu é bom para apartamento?

Esta raça é ótima para apartamentos tanto por seu pequeno tamanho como por seu temperamento dócil. Mas, lembre que eles costumam latir com certa frequência se ficarem muito tempo distantes de seus donos.

Esses cãezinhos são muito ativos e precisam se exercitar diariamente para conservar um peso adequado e um comportamento equilibrado. Você poderá manter seu pet saudável com dois ou três passeios diários, com 25 a 30 minutos cada, sempre com intervalos de descanso.

O shih-tzu é um bom cão para crianças?

Ele é um ótimo cão para acompanhar as crianças em suas brincadeiras e aventuras. Por seu caráter ativo, brincalhão e carinhoso, são capazes de transmitir muito amor e contribuir para a formação de um jovem e para o fortalecimento de sua autoestima.

O shih-tzu pode conviver com outros cães ou gatos?

O shih-tzu é muito sociável e pode conviver facilmente com crianças, gatos ou outros cães. O ideal é começar a socializá-lo a partir de 6 meses de vida, ou após cumprir a primeira fase de vacinação e os tratamentos antiparasitários.

Origem e história do shih-tzu

A história desta raça se encontra e se entrelaça muitas vezes com a história do pequinês e do lhasa apso. O shih-tzu encontra suas origens na antiga China, onde seu nome significa “pequeno cão leão”. Embora a raça tenha começado a ser retratada durante o século XVII, muitos especialistas afirmam que seus antepassados, assim como os do lhasa apso, podem ter vivido já nos anos 800 a.C.

Inicialmente, o shih-tzu foi criado apenas pelos monges budistas e pela realeza chinesa por ser considerado um animal sagrado. De fato, até hoje é considerado muito nobre pela tradicional cultura asiática.

A raça foi introduzida na Europa, mais especificamente na Inglaterra, somente na década de 30, porém era frequentemente confundida com o lhasa apso. As diferenças físicas e comportamentais destes cães não demoraram em aparecer, fazendo com que as raças fossem separadas alguns anos depois.

Por algum tempo, o shih-tzu foi considerado uma variação do lhasa apso de focinho achatado. Esta classificação mudou após a chegada da raça aos Estados Unidos em meados na década de 60. Como estes cãezinhos chamaram rapidamente a atenção de muitos criadores e fanáticos da cinofilia, a raça foi reconhecida pelo AKC em 1969, pouco depois de sua chegada ao solo americano. 

Este seria apenas o início de uma estrelada carreira em exposições de beleza canina. Hoje em dia, o pequenino está entre as raças caninas mais populares em todo o mundo, tendo conquistado seu próprio lugar no coração e nas casas de muitas famílias.

Comentários

1 resposta em “Shih-tzu”

    Rebecadiz:

    Shih Tzu é lindo!