Alergia a cães: descubra possíveis soluções para o problema

Você sabia que a alergia a cães são causadas pelas proteínas da urina, saliva ou células mortas da pele do animal? Entenda melhor o que fazer!
mulher com alergia a cães

Você ama cachorros, mas acaba espirrando incontrolavelmente quando está perto deles? Pode haver uma solução menos complicada do que nunca poder trazer um cãozinho para casa: castrar seu filhote macho ou optar por uma fêmea. Se você não entendeu ainda, não se preocupe, vamos explicar tudo sobre o assunto.

A castração do cachorro pode ser uma boa solução para quem sofre desse problema. O que poucos sabem é que até 30% das pessoas com alergia a cães são realmente alérgicas, na realidade, a uma proteína específica que é produzida na próstata de um cão macho. Você sabia disso?

Embora essa proteína tenha sido identificada anos atrás, foi somente em meados de maio de 2019 que os cientistas tiveram certeza dessa teoria, por meio de um exame de sangue aprovado pela Food and Drug Administration dos Estados Unidos. Abaixo vamos explicar melhor sobre como as alergias ocorrem, acompanhe!

Alergia a cães: causas

Alergias a animais peludos são comuns, especialmente entre aqueles que sofrem de asma ou outras alergias, como a pólen ou a poeira. De acordo com a Asthma and Allergy Foundation of America, três em cada dez pessoas com alergia a poeira também terão alergia a gato ou cachorro.

No entanto, o que pouca gente sabe, é que não é o pelo do animal que causa a reação alérgica. Na verdade, são as proteínas da urina, saliva ou células mortas da pele dos pets que são responsáveis ​​por gerar a reação alérgica em um sistema imunológico hipersensível. Até o momento, a ciência identificou seis alérgenos específicos presentes na saliva e urina dos peludos que causam as reações.

Contudo, a boa notícia é que as pessoas podem ser alérgicas a uma ou mais, das cinco proteínas caninas identificadas, mas não a todas. Com isso, se a pessoa for alérgica somente a proteína presente na uretra dos cães machos, ela pode tranquilamente adotar uma cadela, por exemplo, ou até mesmo optar pela castração do cão.

Sintomas da alergia a cães

O contato com animais, como cachorro ou gato, por exemplo, que causam alergia pode provocar sintomas como:

  • Dificuldade para respirar, com falta de ar e ruídos;
  • Tosse forte, seca e constante;
  • Garganta seca e coceira;
  • Nariz pingando e coçando;
  • Olhos vermelhos e lacrimejando;
  • Bolinhas na pele e coceira intensa nas mãos com pele áspera;
  • Espirros constantes.

Entretanto, para saber se a sua alergia ataca somente na presença de cães machos, consulte um médico alergista e relate um bom histórico de seus sintomas. Como por exemplo: quando as alergias começaram? Os espirros são mais frequentes perto de cachorros machos? Você apenas espirra ou tem algum outro tipo de sintoma?

Infelizmente não há uma maneira de descobrir e diagnosticar, com certeza, as alergias por conta própria. Depois de descobrir exatamente o que te causa alergia, o profissional poderá te receitar medicamentos para controlar o quadro ou até mesmo apresentar alguma solução para que você possa conseguir ter um cãozinho em casa.

O que posso fazer para ter um cachorro, sendo alérgico?

yorkshire e dona olhando a janela

Se você realmente quer ter um pet em casa, muitas pessoas tendem a optar por raças de cachorro hipoalérgicas e elas podem ser uma boa solução. Esse cães têm uma menor concentração de canf 1, o principal responsável por sintomas na maioria das pessoas que são alérgicas. Porém, é importante salientar que nenhum cachorro será 100% seguro para evitar totalmente as reações e, por isso, um médico sempre deve ser consultado.

Confira quais são as raças hipoalérgicas:

Comentários