Como dar banho nos cães em casa

Separamos algumas instruções para você conseguir dar banho no seu cachorro de maneira agradável e confortável. Cuidados são importantes para protegê-lo.
cachorro tomando banho na banheira

A hora do banho pode ser um momento bem divertido para muitos tutores e também para os cães. No geral, uma boa parte dos pets gostam de tomar banho e encara todo o processo como uma brincadeira.

No entanto, não é sempre assim que as coisas funcionam. Existem alguns cachorros que não gostam muito do banho, e o momento da limpeza acaba se tornando uma missão complicada para o tutor. 

O ideal é acostumar os cães desde filhote ao banho e associar o momento a algo positivo. Já na fase adulta, é mais complicado tentar mudar a ideia sobre a limpeza para o bichinho. Além disso, o banho precisa ser dado com bastante cuidado, para evitar acidentes e incômodos, como por exemplo, a água dentro do ouvido do cãozinho. Alguns tutores têm bastante medo e preferem apenas levar em locais especializados. 

Mas fique tranquilo, com algumas instruções você pode conseguir dar banho no seu cãozinho de maneira agradável e confortável. Por isso, neste artigo nós vamos te dar algumas dicas para ajudar a dar banho nos cães em casa, sem sofrimento. Acompanhe até o final! 

Seja paciente e compreensível com o pet 

O cãozinho por mais que esteja acostumado com a hora do banho, pode reagir de diferentes maneiras durante o processo. Assim como acontece com os humanos, existem dias que eles estão mais pacientes e outros em que eles não estão muito bem. Por isso, é muito importante que você escolha um dia em que você esteja disposto para dar banho e cuidar do pet. 

Ficar irritado durante o processo, gritar com o animal e reagir de maneira agressiva pode piorar tudo. Além disso, esse tipo de comportamento vai acabar gerando medo no animal e fazendo com que ele associe o banho a algo negativo. Logo, seja paciente e cuide bem do cãozinho. Lembre-se que ele não tem um entendimento pleno do motivo pelo qual você está dando banho nele.

Escolha um dia ensolarado para o banho 

Os animais têm o pelo para se proteger das baixas temperaturas, quando os pelos ficam úmidos, eles ficam mais expostos ao frio. Por isso é muito importante que você escolha um dia quente e ensolarado para dar banho no cãozinho.

Assim, os pelos vão secar mais rápido e ele vai poder se aquecer no sol caso sinta frio. Além disso, procure secá-lo logo após o banho. Deixar o pet exposto ao vento pode fazer com que ele fique doente.

É muito importante ficar atento à temperatura da água, pois ela deve estar morna. A água quente pode causar queimaduras e ressecamentos na pele do cachorro, pois eles têm uma pele mais sensível que a dos humanos. Já a água fria pode causar um choque térmico e deixá-lo assustado. Então utilize sempre a água morna, independente da temperatura do dia.

Escolha um local seguro para dar o banho

Ao dar o banho no cãozinho é importante lembrar que ele pode ficar assustado ou incomodado durante o processo e pode tentar fugir. Logo, o local em que você for dar banho no animal precisa ser seguro para que acidentes sejam evitados.

O tanque, por exemplo, pode ser perigoso caso seja alto, pois durante o banho o cachorro pode tentar pular e acabar caindo e se machucando. O ideal é permitir que o animal fique com as quatro patas no chão durante o banho. Assim ele vai se sentir mais seguro e tranquilo.

Dar o banho no cachorro no chuveiro pode ser uma boa solução. Assim você pode fechar a cortina ou box e permitir que o animal ande naquele espaço durante o processo. A possibilidade do animal poder andar e ter mais controle sobre si durante o banho, faz com que ele fique mais tranquilo.

E lembre-se: tenha perto de você todos os itens necessários para o banho, como o shampoo específico para cachorro. Deixar o animal sozinho no meio do banho pode ser perigoso.

Dar o banho após um passeio pode ser uma boa ideia 

Uma boa dica para ajudar os tutores a darem banho nos cães, é escolher fazer a limpeza do pet logo após um longo passeio. Se o cãozinho estiver cansado e com pouca energia, o banho vai acabar sendo bastante relaxante e tranquilizante para o animal.

Além disso, como ele estará cansado, não tentará resistir ou fugir durante o banho. Dessa maneira, após o banho, ele estará calmo e provavelmente vai dormir bastante nas próximas horas. Essa dica funciona especialmente para os cãezinhos que não gostam da limpeza. 

Proteja as orelhas do cachorro 

Antes de dar o banho é muito importante que você coloque no ouvido dele um pedaço de algodão hidrófobo. Esse tipo de algodão pode ser encontrados em lojas especializadas, pois se trata de um algodão especial e impermeável que evita que a umidade entre nas orelhas do seu cãozinho. Esse passo é importante pois a água dentro do ouvido do animal pode causar incômodos e até inflamações.

As orelhas do cachorro são muito sensíveis, por isso, após o banho, certifique-se de secá-las corretamente. E atenção: caso o cachorro fique chacoalhando após o banho, é sinal de que entrou água no ouvido dele. Fique atento e se necessário, leve o animal ao médico veterinário para evitar inflamações.  

É importante também que você evite de molhar o rosto do cachorro, pois o rosto também é uma região muito sensível e o animal pode se incomodar bastante durante o processo. A melhor maneira de higienizar o rosto do cãozinho é com uma toalha umedecida com uma gota de shampoo para cachorro.

Fique atento aos sinais 

Caso o animal comece a dar sinais claros de estresse como a respiração ofegante, ou começar a tremer e a chorar, pare o banho imediatamente. Caso ele fique nesse estado, leve-o para um lugar arejado onde ele possa se sentir confortável.

Além disso, nesses casos é melhor optar por levar o animal para tomar banho em um local especializado. Priorize sempre o bem-estar do seu amigo peludo. Boa sorte!

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *