Cachorros japoneses: conheça 8 raças incríveis!

Cachorros japoneses: conheça 8 raças incríveis!

Confira 8 raças de cachorro surgidas no Japão, e como elas são realmente incríveis. A maioria é do tipo Spitz, que são aqueles cães parecidos com lobos

Há raças de cachorro de todas os cantos do mundo, com tamanhos, cores e comportamentos bem diversos. No entanto, você deve estar mais acostumado a ver raças da Europa ou mesmo dos Estados Unidos, regiões em que surgiram as raças mais populares de cachorro.

Neste artigo, você terá a chance de conhecer raças de cachorro surgidas no Japão, e poderá constatar como elas são realmente incríveis. A maioria das raças japonesas é do tipo Spitz, que são aqueles cães parecidos com lobos. Elas se destacam, sobretudo, pela grande lealdade que têm pelos seus donos, mas também apresentam muitas outras qualidades.

  • 01 de 8

    Akita

    Akita Inu

    O Akita é a raça de cachorro japonesa mais conhecida em todo o mundo. A popularidade da raça fora do Japão fez inclusive surgir uma raça derivada, o Akita Americano, que possui um porte um pouco maior que o Akita original.

    Os Akitas são mais conhecidos como cães leais aos donos. A lealdade é uma qualidade muito apreciada pelo povo japonês, que já teve muitas oportunidades de observá-la no Akita. É muito famosa, por exemplo, a história do cachorro Hachiko, que se manteve fiel ao dono mesmo depois da morte dele.

    O Akita, por outro lado, também pode ser considerado independente e um pouco reservado. Assim como o povo japonês, ele quase sempre se mostra muito tranquilo, mas também pode ser divertido e corajoso.

  • 02 de 8

    Shiba Inu

    Shiba Inu de coleira.

    O Shiba Inu é bastante parecido com o Akita, e muitos pensam inclusive se tratar de uma versão miniatura do Akita. O Shiba, no entanto, possui uma origem bastante antiga. Durante a Segunda Guerra Mundial a raça esteve muito próxima da extinção, mas conseguiu sobreviver e hoje talvez seja a raça mais popular entre os japoneses.

    O Shiba Inu também pode ser considerado um cachorro bastante independente. Um exemplo dessa independência é a tendência que o Shiba tem a se manter limpo, lambendo-se como um gato. Outra curiosidade sobre a raça é que ele costuma soltar “gritos” curtos e agudos quando é provocado ou quando está animado.

  • 03 de 8

    Spaniel Japonês

    O Spaniel Japonês, também como Chin Japonês, é uma raça de cães do tipo toy, notável por ser uma excelente companhia. Ele descende de raças da China e da Coreia, e talvez seja parente do Pequinês, com quem é, na verdade, bastante parecido.

    O Spaniel Japonês, curiosamente, também tem uma personalidade parecida com a de um gato. Eles são independentes, calmos e gostam de se manter limpos. Bastante alerta, o Spaniel Japonês gosta de latir quando enxerga uma ameaça.

  • 04 de 8

    Spitz Japonês

    Spitz japonês com brinquedo

    O Spitz Japonês é uma raça bem mais recente do que as outras em nossa lista. Ela é resultado do cruzamento de diversas raças do tipo Spitz, incluindo o Spitz Alemão, que foi a primeira raça usada para desenvolver o Spitz Japonês.

    Companheiro, divertido e brincalhão, o Spitz Japonês se dá bem com diversos tipos de donos, incluindo crianças e idosos. Eles também são muito alertas e protetores, o que os qualifica para serem cães de guarda.

  • 05 de 8

    Hokkaido

    O Hokkaido é um cão de grande porte parecido com o Akita. Natural da cidade japonesa de Hokkaido, é considerado uma raça bastante antiga, com um longo histórico de companheirismo. Costumam ser usados como cães de caça e também como cães para proteção.

    O Hokkaido é tão forte e corajoso, que está acostumado a enfrentar ursos selvagens, tanto nas caçadas como para proteger aos seus donos. Desde que socializado corretamente, pode ser um excelente companheiro para a família.

  • 06 de 8

    Kishu Inu

    O Kishu Inu é outra raça japonesa bastante antiga e bastante corajosa. Eles até hoje são muito usados como cães de caça, sobretudo para perseguir javalis e veados. Infelizmente, a raça atualmente é pouco popular mesmo no Japão e corre risco de desaparecer.

    O Kishu Inu se dá muito bem com a família e tende a ser desconfiado de estranhos. Uma antiga lenda diz que o Kishu Inu descende de um filhote de lobo dado a um caçador depois de ele ter ajudado a uma loba ferida. Isso talvez explique o temperamento e a aparência da raça.

  • 07 de 8

    Shikoku

    shikoku com a língua pra fora

    O Shikoku é nativo de uma ilha japonesa com esse mesmo nome. Seu corpo lembra o de um Husky Siberiano, mas com cores diferentes. Seu porte é considerado médio, sendo maior que o Shiba Inu e menor que o Akita. Também é conhecido como um excelente cão para caça, especialmente a caça de javali. Como pet, é apegado aos donos e desconfiado de estranhos, e precisa de muitos estímulos para se manter ativo.

  • 08 de 8

    Kai Ken

    Outra antiga raça japonesa, o Kai Ken é bastante raro hoje em dia e também corre risco de desaparecer. Excelente caçador, é eficiente contra diversos tipos de presas, nada muito bem, escala montanhas e até árvores. Como companhia para família, é leal, protetor e quase sempre pacífico. A pelagem rajada do Kai Ken é uma das marcas da raça.

Leais e corajosos como os japoneses

As raças de cachorro japonesas parecem ter puxado bastante da personalidade dos seus donos. Elas são conhecidas por serem muito leais à família e por demonstrarem grande coragem, seja nas tradicionais caçadas, seja na proteção do lar. Infelizmente, mesmo com todas essas qualidades, algumas das raças de cachorro japonesas têm pouco representantes hoje em dia, inclusive no Japão, e correm o risco de serem extintas.