Tudo sobre a raça Jack Russell Terrier

Conheça tudo sobre os cachorros da raça Jack Russell Terrier como suas características, personalidade, cuidados, problemas de saúde, imagens, fotos, preço e muito mais. Confira!
  • Raça Jack Russell Terrier
  • Jack Russell brincando com uma bolinha
  • Jack Russell deitado
  • Jack Russell em pé
  • Jack Russell fêmea
  • Jack Russell Terrier
  • Jack Russell Terrier branco
  • Jack Russell Terrier filhote
  • Jack Russell Terrier preço
  • Jack Russell Terrier sentado
  • Jack Russel Terrier na grama
  • Rosto do Jack Russell

Apesar de ser uma raça muito querida em todo o mundo desde seu nascimento, o Jack Russell Terrier conquistou fama internacional depois de sua adorável participação no filme “O Artista”, que foi reconhecido com 5 prêmios do Oscar e excelente arrecadação internacional. Neste filme, fica claro que são cães de pequeno tamanho, porém, de enorme valentia, enérgicos e devotados aos seus donos. Um pet perfeito para quem deseja um companheiro incondicional e sempre bem disposto a experimentar novas aventuras.

Se você é o orgulhoso tutor de um Jack Russell Terrier ou está pensando em adotar um melhor amigo desta raça, te convidamos a conhecer as principais características físicas e temperamentais destes cãezinhos, além dos cuidados essenciais com sua educação e sua saúde. Não perca!

Índice – você encontrará as seguintes informações nesse artigo:

  1. Ficha técnica do Jack Russell Terrier
  2. Características da raça
  3. Como cuidar de um Jack Russell Terrier
  4. Personalidade do Jack Russell Terrier
  5. Características físicas
  6. Possíveis problemas de saúde de um Jack Russell
  7. Filhote de Jack Russell Terrier
  8. Qual é o preço de Jack Russell Terrier?
  9. Dúvidas sobre a raça
  10. História e Origem do Jack

Ficha técnica da raça Jack Russell Terrier:

Adaptação
Bom para apartamento
Gosta de ficar sozinho
Gosta de outros cachorros
Gosta de gatos
Gosta de estar com a família
Higiene e saúde
Cuidados com a higiene
Riscos com a saúde
Solta pelos
Tamanho
Treinamento
Fácil de adestrar
Necessidade de exercícios físicos
Late muito
Gosta de brincadeiras
Características da raça:

Grupo: Grupo dos Terriers
Altura média: 25 cm a 38 cm
Peso: 6 a 8,5 kg
Personalidade: Teimoso, Destemido, Energético, Atlético, Inteligente
Expectativa de vida: 13 a 16 anos

Como cuidar de um Jack Russell Terrier

O Jack Russell Terrier é um cão hiperativo, inquieto e curioso por natureza, que precisa de uma alta dose de atividade física para não mostrar sintomas de stress ou nervosismo, e evitar as condutas destrutivas relacionadas à ansiedade por separação. Por isso, recomendamos fazer 3 passeios diários, com 35 a 45 minutos cada um, para permitir que seu Jack gaste energia, se divirta e conserve um comportamento equilibrado. Alem disso, é fundamental oferecer brinquedos e jogos interativos que mantenham seu cãozinho ativo mesmo durante sua ausência e estimulem sua mente.

Outro cuidado essencial para um Jack Russell Terrier será uma boa educação e uma socialização desde filhote. Como são cães guardiães com excelente instinto de caça, os Jacks podem desenvolver comportamentos possessivos em relação à sua família e ao seu território com muita facilidade. Por isso, o ideal é começar a socializar seu cão durante sua infância, logo após terminar o primeiro ciclo de vacinação e tratamentos contra vermes, pulgas e carrapatos. Além disso, o adestramento será indispensável para evitar a teimosia e o excesso de valentia que caracteriza muitos exemplares desta raça.

Também será fundamental proporcionar uma nutrição completa e equilibrada a seu Jack Russell. Lembre-se de escolher uma ração de ótima qualidade e respeitar as porções diárias indicadas para seu tamanho, peso e idade. Você também poderá consultar seu veterinário de confiança sobre o uso de suplementos naturais e vitaminas para fortalecer os ossos e as articulações de seu cãozinho, prevenindo doenças degenerativas e melhorando sua resistência física.

Quanto à higiene, seu Jack Russell pedirá cuidados simples e fáceis. Com 2 escovações semanais, será possível eliminar as impurezas e os pelos mortos de sua pelagem. Os banhos devem ser dados apenas quando forem realmente necessários, respeitando o limite máximo de 1 banho por mês. Não esqueça que os banhos excessivos prejudicam a saúde de seu cão, pois removem a oleosidade natural que reveste e protege seu corpo. Para complementar a higiene de seu Jack Russell, recomendamos limpar diariamente as remelas que podem se formar em seus olhos, além de escovar seus dentes de 2 a 3 vezes por semana.

Personalidade e temperamento do Jack Russell Terrier

Como bom exemplar da família Terrier, os Jack Russell são caçadores natos, com um caráter hiperativo, inteligente, alerta e muito corajoso. Apesar de seu pequeno tamanho, são donos de uma grande personalidade e de um temperamento forte. Por isso, devem ser educados e socializados desde filhotes, para aprenderem a se relacionar com outros animais e respeitar as normas da casa.

Personalidade do Jack Russell Terrier
O Jack Russell Terrier é dono de uma grande personalidade

Em seu núcleo familiar, o Jack Russell Terrier mostra-se muito carinhoso, fiel e devoto aos seus tutores, porém não deve ser criado como um “cão de colo”. Este cãozinho nasce com um espírito aventureiro e extremamente ativo, adorando brincar, correr, saltar e descobrir novos lugares. Além disso, se não é educado positivamente ou não encontra em seu tutor a figura de um líder, pode se tornar teimoso, desobediente e até desafiante.

Os Jacks também são muito valentes e seguros de si, sendo capazes de enfrentar cães muito maiores que eles para protegerem seu território e sua família. Por isso, não se estranhe se seu Jack Russell adotar uma postura desconfiada ou desafiante frente a pessoas e animais estranhos, ou latir ao escutar a campainha. Isso faz parte de sua herança Terrier: como são exímios caçadores e guardiões, devem estar sempre preparados para reconhecer e sinalizar os estímulos de seu entorno, avisando seus tutores sobre uma presença incomum.

Características físicas do Jack Russel Terrier

Segundo a FCI (Federação Cinológica Internacional), os Jack Russell Terrier são quase idênticos a outra raça chamada Parson Russell Terrier. São cães de pequeno porte, com corpo alongado (levemente mais comprido que alto), compacto e musculoso. A principal diferença notável entre estes cães é que o Jack Russell têm patas mais curtas e um tronco mais alongado que os Parson Russel, o que lhes dá um perfil retangular.

Sua cabeça é levemente afilada terminando em um focinho largo, com uma mandíbula profunda e forte e uma trufa de cor preta. Os olhos costumam ser escuros, com formato amendoado e estão bem delineados por suaves linhas na cor preta. As orelhas de um Jack Russell Terrier são de tamanho médio e podem estar caídas total ou parcialmente, mas não eretas.

De acordo com o CBKC (Confederação Brasileira de Cinofilia), o padrão da raça Jack Russell Terrier aceita 3 variedades de pelo: curto e liso, quebradiço (ou quebrado), ou longo e duro. Em todos os exemplares, a cor branca deve ser predominante, apresentando manchas pretas e castanhas em diferentes tonalidades. Quase todos os Jack Russell Terriers apresentam várias manchas em seu rosto, formando uma espécie de “máscara”.

A seguir, resumimos as principais características físicas do Jack Russell Terrier:

  • Tamanho (altura em cruz): machos e fêmeas tem alturas parecidas, entre 25 e 30 cm.
  • Peso corporal: de 4 a 7 kg.
  • Contextura física: corpo alongado e firme, com peito profundo e musculoso, dorso curto e forte, patas musculosas.
  • Pelagem: são aceitas 3 variedades – curta e lisa; longa e grossa; quebradiça.
  • Cores de pelagem: cor branca predominante, com manchas que podem ser pretas e de diferentes tonalidades de castanhos.
  • Cabeça: afilada, com focinho levemente largo, bem pronunciado em relação à linha do crânio. Suas expressões faciais demonstram alegria e coragem.
  • Olhos: escuros, amendoados e bem delineados por linhas pretas.
  • Focinho: de tamanho médio, preto e com grandes fossas nasais.
  • Rabo: grande e de inserção alta, estando sempre coberto pela mesma pelagem do corpo. Não deve se enroscar ou se dobrar sobre o dorso do cão.

Problemas de saúde do Jack Russell Terrier

Os Jack Russell Terriers são donos de uma ótima saúde e costumam viver entre 13 e 16 anos, dependendo do estilo de vida que lhe proporcionam seus tutores. Porém, como são parentes diretos do Fox Terrier, herdaram sua predisposição genética a desenvolver ataxia hereditária ou mielopatia do sistema nervoso, o que costuma gerar problemas de coordenação e dificuldades de locomoção.

A raça também mostra vulnerabilidade frente à surdez e às doenças oculares, como cataratas e cegueira. Além disso, os Jacks podem sofrer com o desgaste de suas articulações e com a perda de massa óssea, apresentando sintomas de luxação de patela com certa frequência. Também devemos ressaltar que esta raça tem predisposição à obesidade.

Devemos recordar que todo cachorro precisa receber uma adequada medicina preventiva para manter sua boa saúde e desfrutar de uma longevidade privilegiada. Para cuidar bem de um Jack Russell, realize visitas ao veterinário de 6 em 6 meses, respeite o calendário de vacinação e não se esqueça dos tratamentos antiparasitários internos (vermífugos) e externos (pipetas, comprimidos mastigáveis, etc).

Filhotes de Jack Russell Terrier

Se sua cadela acaba de ser mamãe, será muito importante levar os filhotes ao veterinário para começar sua imunização e controlar seu crescimento. Além disso, a fêmea deve contar com o acompanhamento de um médico veterinário durante toda a gestação.

Apesar de sua natural hiperatividade, os filhotes de Jack Russell Terrier também necessitarão de algumas boas horas de sono para desenvolverem-se corretamente. Os pequenos Jacks terão um crescimento acelerado até seus 6 ou 7 meses, porém só se tornarão adultos a partir de seu 12º mês de vida.

Como são cães temperamentais, os Jack Russells devem ser educados e socializados desde sua infância. Quando seu cãozinho chegar ao seu novo lar, será essencial apresentar as normas da casa e evitar premiar condutas inapropriadas. E, após completar seu primeiro ciclo de vacinas e remédios contra vermes (entre 5 e 6 meses de vida), você deverá começar seu processo de socialização.

Preço do Jack Russell Terrier

Para saber quanto custa um filhote de Jack Russell Terrier deve-se levar em conta a sua linhagem, seu sexo e seu canil de origem. Se o filhote for filho de cães premiados internacionalmente, seu valor será mais elevado por sua genética apreciada. Atualmente, um filhote de Jack Russell pode custar entre R$1000 e R$3000.

Queremos aproveitar esta oportunidade para te dar uma ótima dica: sabia que existem muitos cachorros, de todos os tamanhos, aparências e temperamentos, ansiosos por receber o carinho de uma família? Adotar é um ato de amor e todo cão, seja mestiço ou de raça definida, pode aprender e brindar afeto incondicional a seus familiares. Porém, se optar por adquirir um cãozinho em um canil, lembre-se de escolher estabelecimentos confiáveis, que estejam devidamente registrados e cumpram com as normas de segurança e higiene. Não indicamos comprar filhotes diretamente com particulares, em pet shops ou na internet.

Dúvidas frequentes sobre a raça

  1. O Jack Russell Terrier solta muito pelo?

    Não! Os Jacks soltam poucos pelos e requerem cuidados simples com sua higiene. Porém, as escovações semanais são fundamentais para eliminar os pelos mortos e as impurezas de sua pelagem.

  2. O Jack Russell Terrier late muito?

    Sim, esta raça tem tendência a ser bem barulhenta e latir com frequência. O Jacks estarão sempre alertas para os estímulos desconhecidos em seu território e latirão para alertar seus tutores. Além disso, como são muito ativos, passarão grande parte do tempo correndo, saltando, brincando e podem fazer barulho enquanto se divertem!

  3. O Jack Russell Terrier é um bom cão para crianças?

    O Jack Russell não é um cão indicado para crianças muito pequenas. São muito agitados e possuem um caráter reativo, podendo morder ou arranhar para se defender de um maltrato não intencional. Lembremos que as crianças pequenas, assim como os cães, tem pouca noção de sua própria força, por isso, podem machucar sem querer um cãozinho.

    Porém, os Jacks são excelentes companheiros para as crianças maiores de 8 anos e para os adolescentes, já que estão sempre preparados para uma nova aventura. Porém, como sempre ressaltamos, todo cão deve ser socializado e ter aprendido os comandos básicos de obediência antes de brincar com crianças ou com outros pets.

  4. Um Jack Russel Terrier pode viver em um apartamento?

    Por seu pequeno porte e grande inteligência, os Jacks podem se adaptar facilmente a quase todo tipo de ambiente. Porém, devemos considerar que criar um cão tão enérgico como um Jack Russell em um apartamento requer compromisso com sua necessidade de atividade física e com sua estimulação mental. Os passeios diários, os brinquedos e os jogos interativos serão cruciais para manter o bom temperamento de seu Jack Russell Terrier e ajudá-lo a manter um peso saudável.

  5. Os Jack Russell Terrier convivem bem com outros pets?

    Como já te contamos, o Jack Russell possui um importante instinto territorial, apesar de seu reduzido tamanho. Por isso, este cãozinho deve ser socializado desde filhote, para aprender a se relacionar positivamente com as pessoas, com outros cães, e também com seus brinquedos. A apresentação do Jack Russell a um gato deve ser especialmente cuidadosa, já que estes cães são caçadores natos.

História do Jack Russell Terrier

Segundo a FCI, o Jack Russell Terrier se originou na Inglaterra, nos princípios do século XIX, porém só foi reconhecido oficialmente como raça no ano 2000.

Conta-se que o Reverendo John Russell, um confesso apaixonado pela caça de raposas, se dedicou a cruzar cães Fox Terrier com outras raças, como a English White Terrier, para criar um exímio ajudante para sua atividade caçadora. Seus esforços teriam dado origem a 2 raças muito similares: o Jack Russel Terrier e o Parson Russell Terrier. Como te contamos, os Jacks são mais baixo e compridos que os Parsons, porém seus temperamentos são bem parecidos.

Ainda que os primeiros exemplares de Jack Russell tenham nascido no Sul da Inglaterra, graças à obstinação do Reverendo John Russell, a raça só terminou de se desenvolver e ganhou a aparência que conhecemos hoje em dia na Austrália. De fato, o primeiro clube oficial dedicado a estes cães foi organizado pelos criadores australianos, em 1972, recebendo o nome de Jack Russell Terrier Club of Australia.

Apesar de ter conquistado rapidamente admiradores na Europa e na Oceania, o Jack Russell só ganhou popularidade no continente americano depois de sua aparição no filme “O Máscara”, que estreiou na década de 90. Muita gente não sabe, mas o cãozinho Milo, que era o pet da personagem principal interpretada por Jim Carrey, era um autêntico exemplar de Jack Russell Terrier. Posteriormente, em 2012, essa raça voltou a fazer sucesso nas telonas da sétima arte, depois de aparecer no filme “O Artista”, que conquistou inúmeros prêmios internacionais, incluindo 5 Oscar.