Tudo sobre a raça Fox Paulistinha

Tudo o que você precisa saber sobre a raça Fox Paulistinha como o seu temperamento, características físicas, fotos, imagens, preço, cuidados e muito mais. Confira!
  • Fox Paulistinha
  • Fox Paulistinha sentado
  • Perfil Fox Paulistinha
  • Fox Paulistinha marrom
  • Fox Paulistinha deitado na grama
  • Filhotes de Terrier Brasileiro
  • Fox Paulistinha na grama
  • Fox Paulistinha preto
  • Rosto do Fox Paulistinha
  • Terrier Brasileiro

O nosso brasileiríssimo Fox Paulistinha é mais conhecido internacionalmente como Terrier brasileiro.

Apesar de seu pequeno tamanho, estes cães possuem uma estrutural corporal firme e musculosa, que lhes brindam força e resistência privilegiada.

É uma raça inteligente, curiosa e perspicaz, que pode aprender bons e maus hábitos com a mesma facilidade. Por isso, requerem muita atenção com seu adestramento e socialização para não se tornarem teimosos ou desobedientes.

Se você é o orgulhoso tutor de um Foz Paulistinha ou pretender adotar um filhote desta raça, não perca nossas dicas sobre as principais características físicas e temperamentais, e sobre os cuidados que estes cãezinhos requerem para manter uma excelente saúde e um comportamento equilibrado.

Índice – você encontrará as seguintes informações nesse artigo:

  1. Ficha técnica do Fox Paulistinha
  2. Características da raça
  3. Características físicas
  4. Personalidade do Fox Paulistinha
  5. Como cuidar de um Fox Paulistinha
  6. Problemas de saúde de um Fox Paulistinha
  7. Filhote de Fox Paulistinha
  8. Preço Fox Paulistinha?
  9. Dúvidas sobre a raça
  10. Origem e história

Ficha técnica da raça Fox Paulistinha:

Adaptação
Bom para apartamento
Gosta de ficar sozinho
Gosta de outros cachorros
Gosta de gatos
Gosta de estar com a família
Higiene e saúde
Cuidados com a higiene
Riscos com a saúde
Solta pelos
Tamanho
Treinamento
Fácil de adestrar
Necessidade de exercícios físicos
Late muito
Gosta de brincadeiras
Características da raça:

Grupo: Grupo dos Terriers
Altura: de 35 cm a 40 cm para machos e de 333 cm a 38 cm para fêmeas
Peso: de 6,5 kg a 10 kg para machos e fêmeas
Personalidade: Inquieto, Esperto, Gentil, Alerta, Amigável, Ativo
Expectativa de vida: 13 a 16 anos

Características físicas do Fox Paulistinha

O Fox Paulistinha é um cão de porte pequeno a médio, cujo tamanho específico dependerá fundamentalmente de sua herança genética.

Seu corpo é quadrado e proporcional (altura igual à largura), porém, suas curvas são elegantes e bem definidas.

Toda a extensão do corpo de um Terrier brasileiro deve estar coberto por uma pelagem densa e bem aderida ao corpo, formada por pelos curtos, lisos e finos.

Segundo o padrão oficial da raça, o Fox Paulistinha deve ter “pelagem de rato”, ou seja, tão densa e aderida ao corpo que não permite ver a pele.

A cabeça do Fox Paulistinha é triangular quando vista de cima, ou seja, sua base é larga e vai afinando em direção ao focinho. O estreitamento mais notável se dá desde a linha dos olhos até a ponta do nariz, que é relativamente e com amplas fossas nasais.

Os olhos são grandes, arredondados e levemente “esbugalhados”. A maioria dos Terriers brasileiros tem olhos bem escuros (café ou preto), porém, os exemplares de cor azul possuem olhos azulados, e os exemplares marrons podem ter olhos verdes, azuis ou castanhos.

Já as orelhas tem forma de “V”, estão bem separadas entre si, e quase sempre se dobram, caindo sobre o ângulo externo de seus olhos.

Antigamente, o rabo do Fox Paulistinha deveria ser amputado logo após o nascimento para cumprir os padrões estéticos da raça. Felizmente, muitas sociedades caninas evoluíram e o padrão da raça, hoje em dia, já aceita os exemplares com cauda inteira e natural, não recomendando a prática de mutilações estéticas desnecessárias e dolorosas.

Quanto às possíveis cores do Fox Paulistinha, o padrão oficial determina que a cor predominante deve sempre ser o branco. Já as manchas características desta raça podem ser marrons, pretas ou azuis.

Além disso, define as seguintes marcas que devem estar presentes em todos os exemplares:

  • A cor fogo deve aparecer sobre os olhos, dentro e nos bordes das orelhas, e em ambos os lados do focinho;
  • As manchas pretas, marrons ou azuis devem se concentrar na testa e nas orelhas.

A seguir, resumimos as principais características físicas do Fox Paulistinha:

  • Tamanho: 35 cm a 40 cm nos machos; 33 cm a 38 cm nas fêmeas.
  • Peso corporal: de 6,5 kg a 10 kg.
  • Contextura física: corpo quadrado e firme, com curvas elegantes, dorso curto e forte, patas finas e musculosas.
  • Pelagem: densa e bem aderida ao corpo, sem deixar ver a pele. Pelos finos, lisos e curtos.
  • Cores de pelagem: cor branca predominante, com manchas que podem ser marrons, azuis e pretas, sempre com a cor fogo nos olhos, nas orelhas e no focinho.
  • Cabeça: triangular, com base larga e focinha estreito, bem pronunciado em relação à linha do crânio. Suas expressões faciais demonstram alegria e curiosidade.
  • Olhos: redondos, grandes e levemente ressaltados, predominantemente nas cores café ou preto. Porém, os exemplares azuis tem sempre olhos azulados, e os exemplares marrons podem ser olhos verdes, azuis ou marrons.
  • Nariz: relativamente grande, escura e com grandes fossas nasais.
  • Rabo: de inserção baixa, pode estar encurvada sobre o dorso ou levantada. O padrão aceita a causa natural e comprida, não sendo recomendada a mutilação estética.

Personalidade e temperamento do Fox Paulistinha

A personalidade do Fox Paulistinha é naturalmente inteligente, perspicaz, vivaz, curioso e hiperativo!

São os típicos cães que estão sempre bem dispostos a brincar e aprender coisas novas, mesmo quando já são adultos.

Apesar de ser um excelente companheiro, não é um cão de colo super dependente de seus tutores. Muito pelo contrário, o Fox Paulistinha é independente e pode tomar decisões por conta própria sem nenhum problema.

Por isso, deve ser educado desde filhotes para aprender a respeitar as normas de sua casa e não se tornar um “cabeça dura”.

Personalidade do Fox Paulistinha
A personalidade do Fox Paulistinha é naturalmente inteligente.

São cães alertas e com sentidos aguçados, que reconhecem facilmente qualquer barulho, estímulo ou presença incomum em seu território.

Como todo bom exemplar da família Terrier, o Fox Paulistinha é um caçador nato, por isso, pode querer perseguir e atacar pequenos animais, como passarinhos, ratos, insetos e até cães de pequeno tamanho.

Para controlar este instinto e evitar acidentes, é fundamental educá-lo desde filhote, preferencialmente com a ajuda de um adestrador profissional.

Em seu núcleo familiar, se mostram brincalhões e afetuosos, porém, costumam ser bem desconfiados com os estranhos. Na verdade, se não são bem socializados e adestrados, os Fox Paulistinhas podem até ser agressivos com pessoas e animais desconhecidos.

Por isso, sempre é recomendável começar a socializá-los quando ainda são filhotes, logo após terminar o primeiro ciclo de vacinas e remédios contra vermes.

Como cuidar de um Fox Paulistinha

O Fox Paulistinha é um cão hiperativo, curioso e inquieto, que precisa de uma boa dose de exercícios diários para não se mostrar nervoso ou estressado.

Devido a isso, recomendamos fazer 3 passeios diários, com 30 a 45 minutos cada um, para permitir que seu Terrier brasileiro gaste energia e conserve um comportamento equilibrado.

Além disso, é fundamental oferecer brinquedos e jogos interativos que permitam a seu cãozinho se divertir quando você não está em casa.

Outro cuidado fundamental de um Fox Paulistinha diz respeito à sua educação e socialização. Estes cãezinhos são territoriais e protetores, podendo desenvolver comportamentos possessivos em relação à sua família e ao seu território com muita facilidade.

Por isso, o ideal é começar a socializar seu Fox durante sua infância, preferencialmente antes de seus 6 meses.

Além disso, o adestramento será indispensável para evitar a teimosia e o “excesso de valentia” que caracteriza muitos exemplares desta raça.

Quanto à sua higiene, os Fox Paulistinha requerem cuidados bem simples. Para manter sua pelagem brilhante e saudável, são necessárias apenas 2 escovações semanais, que ajudarão a o pelo morto e as impurezas de seu corpo.

Os banhos podem ser dados 1 vez por mês ou apenas quando o cão estiver sujo. Lembre-se que os banhos excessivos prejudicam a saúde de seu cão, pois removem a oleosidade natural que reveste e protege seu corpo.

Para complementar a higiene de seu Fox Paulistinha, é importante limpar diariamente as remelas que podem se formar em seus olhos, além de escovar seus dentes de 2 a 3 vezes por semana.

Como todo cão, o Fox Paulistinha precisa receber uma alimentação equilibrada de excelente qualidade para se manter ativo, forte e saudável. Escolha sempre uma ração de boa qualidade e lembre-se de respeitar as porções diárias de acordo com o tamanho, o peso e a idade de seu cão.

Problemas de saúde do Fox Paulistinha

O Fox Paulistinha é considerado uma das raças mais saudáveis e resistentes, com uma expectativa de vida entre 13 e 16 anos.

Não apresenta predisposição genética a nenhuma doença degenerativa. Porém, como todo cão, precisa receber uma adequada medicina preventiva para manter sua boa saúde e desfrutar de uma longevidade privilegiada.

Para cuidar bem de seu melhor amigo, realize visitas ao veterinário de 6 em 6 meses, respeite o calendário de vacinação  e não se esqueça dos tratamentos antiparasitários internos (vermífugos) e externos (pipetas, comprimidos mastigáveis, etc.).

Filhotes de Fox Paulistinha

Apesar de serem super ativos, os filhotes de Fox Paulistinha também precisam descansar e dormir algumas horas por dia para se desenvolver corretamente.

Os pequenos Terriers terão um crescimento acelerado até seus 6 ou 7 meses, porém, só se tornarão adultos a partir do seu 1º ano.

Se sua cadela acaba de ser mamãe, será muito importante levar os filhotes ao veterinário para começar sua imunização e controlar seu crescimento. Além disso, a fêmea deve contar com o acompanhamento de um médico veterinário durante toda a gestação.

Filhotes de Fox Paulistinha
Filhotes de Fox Paulistinha

Como se trata de uma raça territorial, o Fox Paulistinha deve ser educado desde seus primeiros meses de vida. Assim que chegar ao seu novo lar, será crucial apresentar as normas da casa e evitar premiar condutas inapropriadas.

Quando o cãozinho completar seu primeiro ciclo de vacinas e remédios contra vermes (entre 5 e 6 meses de vida), o tutor deverá começar seu processo de socialização com outros cães.

Quanto custa um Fox Paulistinha?

O investimento em um filhote de Fox Paulistinha varia de acordo com sua linhagem, seu sexo e seu canil de origem.

Hoje em dia, um filhote de Fox Paulistinha pode custar entre R$1.000,00 e R$2.500,00.

Aproveitamos a oportunidade para te dar uma ótima dica: sabia que existem muitos cachorros, de todos os tamanhos, aparências e temperamentos, ansiosos por receber o carinho de uma família?

Adotar é um ato de amor e todo cão, seja mestiço ou de raça definida, pode aprender e brindar afeto incondicional a seus familiares.

Porém, se optar por adquirir um cãozinho em um canil, lembre-se de escolher estabelecimentos confiáveis, que estejam devidamente registrados e cumpram com as normas de segurança e higiene.

Não indicamos comprar filhotes diretamente com particulares, em pet shops ou na Internet.

Dúvidas sobre a raça

  1. O Fox Paulistinha se adapta bem aos apartamentos?

    O Fox Paulistinha pode se adqaptar bem à vida em um apartamento, desde que seus tutores se comprometam com sua necessidade de atividade física. Serão necessários de 2 a 3 passeios diários, de 30 a 45 minutos cada, para manter seu Fox Paulistinha bem exercitado e com um temperamento equilibrado.

    Apesar de ser independentes, os Fox Paulistinhas também são muito apegados aos seus tutores e precisam de sua companhia. Além disso, é essencial manter seu cãozinho mentalmente estimulado durante sua ausência para evitar os comportamentos destrutivos causados pela ansiedade por separação.

  2. O Fox Paulistinha solta muito pelo?

    Não! Os Fox Paulistinhas soltam poucos pelos e requerem cuidados simples com sua higiene. Porém, as escovações semanais são fundamentais para eliminar os pelos mortos e as impurezas de sua pelagem.

  3. Os Fox Paulistinhas são bons cães para crianças?

    Esta raça não é indicada para crianças muito pequenas, pois podem se machucar acidentalmente e reagir negativamente para se defender. Porém, costumam ser excelentes companheiros para crianças maiores de 8 anos e adolescentes, já que são enérgicos, curiosos e brincalhões.

    Como sempre ressaltamos, todo cão deve ser socializado e ter aprendido os comandos básicos de obediência antes de brincar com crianças ou com outros pets.

    Independente de sua raça, tamanho, idade ou raça, os cachorros precisam aprender a se relacionar com outros indivíduos e compartilhar seu território de forma positiva.

  4. Os Fox Paulistinhas podem conviver com outros pets?

    Como te explicamos, os Fox Paulistinhas são cães pequenos, mas com notável comportamento territorial. Por isso, costumam se mostrar muito desconfiados frente a animais desconhecidos. Porém, quando socializados desde filhotes, podem conviver bem com outros pets.

Origem e história do Fox Paulistinha

A história do Fox Paulistinha se entrelaça com a história do Brasil, e é bastante polêmica.

Alguns historiadores afirmam que, quando os primeiros navios portugueses e holandeses chegaram ao litoral brasileiro, traziam cães Terriers para ajudar a controlar a população de ratos dentro das embarcações.

A maioria dos especialistas afirmam que se tratavam dos antepassados diretos do Fox Paulistinha: o Fox Terrier e o Jack Russel Terrier.

Porém, a aparência e o comportamento do Fox Paulistinha tal como conhecemos hoje em dia teria resultado de diversos cruzamentos entre estes Terriers com Chihuahuas, Pinschers e outros cães que já viviam no Brasil.

Outros especialistas dizem que os antepassados do Fox Paulistinha, o Fox Terrier e o Jack Russel Terrier, teriam sido introduzidos no Brasil, por meados do século XIX, pelos filhos dos colonos que regressavam ao país depois de concluir seus estudos na Europa.

A partir daí, estes Terriers teriam se cruzado com os cães nativos do território brasileiro, dando origem ao Fox Paulistinha que conhecemos hoje.

Independente de sua história oficial, sabemos que o Fox Paulistinha foi historicamente utilizado como cão de caça e cão de guarda.

Porém, como seu temperamento conquistava a muitas famílias, foi se tornando um querido cão de companhia.

Hoje em dia, é um dos cães mais populares no Brasil e no mundo.