Cairn Terrier: tire suas dúvidas e saiba tudo sobre esse cãozinho escocês

Fique por dentro das características, personalidade, cuidados e preço do cairn terrier. Tire suas dúvidas sobre essa raça escocesa aqui!
cairn terrier deitado

O cairn terrier teve sua origem na Escócia, mais precisamente na Ilha de Skye, durante a Idade Média. Os primeiros exemplares da raça eram utilizados para caçar, principalmente, lontras e raposas, além de manter o controle de pragas caçando ratos, por exemplo. Essa raça antiga precisou ser muito valente e corajosa para enfrentar predadores e manter casas e campos livre de pragas.

Em 1860, o cairn terrier apareceu em sua primeira exposição, com o nome de skye terrier shorthair. Contudo, outra raça já fazia referência à ilha de origem, o skye terrier. Após muitos anos, o nome cairn terrier foi oficializado, entrando para a família dos terriers escoceses: cairn terrier, skye terrier, scottish terrier e west highland white terrier. A raça chegou aos Estados Unidos em 1913 e foi reconhecida pelo American Kennel Club no mesmo ano.

Quer conhecer ainda mais esse cãozinho? Separamos as principais informações que você precisa saber. Confira!

Características do cairn terrier

O cairn terrier é considerado um cão de porte pequeno, com exemplares que medem até 25 centímetros e o peso vai até os 6 quilos. Esse cão tem as patas curtas, porém musculosas, orelhas naturalmente eretas e cauda curta.

A pelagem do cairn terrier é média, porém vasta, ela também é lisa, mas aceita leves ondulações. Os pelos são ásperos, mas o subpelo é macio. Pode aparecer nas cores: creme, tigrado, vermelho e cinza. A pelagem com aspecto bagunçado é, na verdade, muito resistente à intempéries, como a água.

Personalidade do cairn terrier

cairn terrier

O cairn terrier é inteligente, alegre, brincalhão e cheio de energia. Mesmo sendo muito apegado à família e gostar de seguir o tutor pela casa, ele não gosta de passar muito tempo no colo, pois prefere se sentir sempre ativo. Se dá muito bem com crianças, mas a supervisão é sempre recomendada para evitar situações inesperadas.

Essa raça é muito confiante e corajosa, perdendo até a noção do próprio tamanho na hora de defender seu lar, mesmo não sendo considerado um bom cão de guarda. Porém, como um bom terrier, pode latir excessivamente e até gostar de cavar. Por não gostar de passar muito tempo sozinho, pode desenvolver comportamento destrutivo. Por isso, dedique tempo e atenção ao seu pet.

Nível de atividade do cairn terrier

Apesar do porte pequeno, o cairn terrier adora gastar energia, se exercitar e se divertir. Contudo, ele não precisa de muito espaço ou de exercícios muito pesados. As caminhadas podem ser feitas em ambientes que ele possa explorar e que estimule sua curiosidade, mas sempre com a guia, para evitar que esse pequeno arrume confusões.

Brincadeiras no quintal também são importantes o desenvolvimento do animal, além de auxiliar na adaptação em qualquer ambiente. O cairn terrier é muito curioso e aprende rápido, mas seu instinto independente faz com que seja um pouco teimoso. O tutor deve demonstrar autoridade, mas sempre com gentileza, utilizando o reforço positivo.

Saiba que ele é um cão sensível e pode ficar chateado com broncas, portanto, é preciso cuidado na hora de repreender esse peludo. Por fim, apesar de não apresentar comportamento agressivo, a socialização precisa ser feita desde filhote para que ele consiga conviver bem com outros pets.

Como é a saúde do cairn terrier?

dois cairn terrier

A expectativa de vida do cairn terrier é de 13 a 15 anos. Os cuidados com esse pet são moderados, sendo necessária a escovação regular para remoção dos pelos mortos e controle da dieta, para evitar obesidade. O tutor deve estar atento aos olhos, dentes e ouvidos para não acumular sujeiras, assim como as unhas devem estar sempre aparadas para evitar arranhões.

Apesar dos poucos cuidados, o cairn terrier pode apresentar predisposição para os seguintes problemas de saúde: hipotireoidismo, criptorquidia e osteopatia craniomandibular – doença óssea degenerativa que acomete, em sua maioria, os terriers.

Você sabia?

Curiosamenteo, na primeira edição do livro “O mágico de Oz”, lançado em 1904, o fiel companheiro de Dorothy, Totó, foi descrito como um cão pequeno de pelos compridos e pretos. Após 35 anos, a obra ganhou uma adaptação cinematográfica e Totó foi muito bem representado, sendo interpretado por um cairn terrier. A raça ganhou ainda mais popularidade por todo o mundo e muitos exemplares foram batizados em homenagem ao cão ficcional.

Cairn Terrier: preço

O preço do cairn terrier vai de R$1.500,00 a R$3.000,00, dependendo da linhagem e canil de origem do filhote. Para adquirir a raça, certifique-se de que o local é seguro e legalizado, assim, você garantirá um cachorro legítimo e saudável.

Comentários