Cachorro pode comer brócolis? Conheça os benefícios e como oferecer

O brócolis é um alimento nutritivo para os cães e pode ser inserido na dieta canina. Saiba os benefícios e a maneira correta de oferecer
jack russell terrier sentado ao lado do brócolis

Para os humanos o brócolis é extremamente benéfico, mas será que os cães também podem comer esse vegetal? Saboroso, com poucas calorias e uma excelente porção de proteína, é um alimento extremamente popular e consumido no Brasil. Além disso, alguns estudos científicos apontam que o vegetal é rico em sulforafanos, composto que pode ajudar a prevenir alterações celulares e também prevenir os riscos de infarto no miocárdio.

Quando o assunto é a alimentação e a dieta dos cães, precisamos ter muitos cuidados, pois a absorção dos alimentos para os peludos funciona de uma maneira diferente. Logo, nem tudo que é bom para o tutor, também é bom para o pet. E se você quer saber se o brócolis é uma boa opção para o seu cãozinho, acompanhe o texto!

Afinal, cachorro pode comer brócolis?

Sim, os cães podem comer brócolis e eles conseguem absorver quase todas as vitaminas (A, C e K), fibras, proteínas e magnésio presente no alimento. Esse vegetal pode ser inserido na alimentação do dia a dia ou oferecido como um petisco, desde que seja cozido ou assado sem temperos.

Como o brócolis é bastante saboroso, não precisa adicionar sal ou azeite, pois os temperos estão na lista de alimentos tóxicos para os cães. Uma boa ideia é misturar o brócolis cozido com a ração, com o frango ou algum outro vegetal. O tutor pode ainda fazer o brócolis assado, o tornando um petisco crocante e delicioso.

E por mais que tenha muitos benefícios, é importante que o vegetal não seja oferecido em excesso para o pet. Em grande quantidade, o brócolis pode causar gases, diarreia e cólicas intestinais no animal. Portanto, ofereça em média uma ou três vezes na semana e nunca dê para o cão mais de 100g do legume por dia.

O brócolis tem uma propriedade laxante, logo, se o bichinho estiver com o intestino solto ou com algum outro problema intestinal, evite oferecer a ele.

Principais benefícios do brócolis para os cães

1. Aumenta as defesas do organismo

Devido à grande quantidade de vitamina, glucosinolatos e selênio presente nesse vegetal, o consumo de brócolis regularmente ajuda a aumentar as defesas do organismo do cão e a melhorar o sistema imune, assim como proteger o organismo contra infecções.

2. Oferece uma porção extra de proteína

O brócolis é um dos vegetais com o maior nível de proteína, logo, em 100 gramas do vegetal é possível obter cerca de 3,6 gramas de proteína, o que é excelente para os cães. Os peludos precisam de um bom nível de proteínas para se manterem sempre fortes e saudáveis.

3. Previne doenças oculares nos pets

A luteína é um tipo de carotenoide presente no brócolis que auxilia na proteção dos olhos contra a degradação macular tardia e desenvolvimento de cataratas, problemas que tornam a visão embaçada. A concentração de luteína no brócolis é de 7,1 a 33 mcg por grama de peso desse vegetal. Cães com tendência a problemas oculares, como o poodle e o pug, podem se beneficiar muito!

4. Melhora a saúde do coração

O brócolis é capaz de manter os vasos sanguíneos dos pets mais fortes e a pressão arterial controlada. Além disso, contém sulforafano, uma substância com propriedades anti-inflamatórias que previne o surgimento de lesões nos vasos sanguíneos e desenvolvimento de doenças nas artérias coronárias.

Comentários