Como saber a raça do meu cachorro? Siga estas dicas que te ajudarão a descobrir

Se você está tentando descobrir a raça do seu cachorro, siga essas dicas úteis que separamos para te ajudar
chihuahua deitado feliz

Quando você adota um cachorro, às vezes é difícil identificar suas características e também a sua raça. Em geral, nos locais de adoção, eles não têm informações precisas sobre a origem do animal, se é racial ou mestiço, por se tratarem de cães que já foram resgatados. No entanto, se você realmente está curioso para saber a raça e origem do seu pet, não se preocupe, existem maneiras para isso! Neste artigo, vamos dar dicas incríveis para você. Acompanhe!

Como saber a raça do meu cão por meio das características

Para conseguir descobrir a raça do seu pet, esteja atento aos seguintes pontos:

Tamanho

O porte do pet permite localizar seu cão por grupos. Ou seja, você encontrará raças grandes, médias, pequenas e toy. O que, por sua vez, irá direcionar sua pesquisa quando você descobrir o porte do seu animal. O peso também ajudará você a definir o tamanho dele, confira:

Pelagem

Vários fatores afetam esta característica, tais como: quantidade de pelo (1 ou 2 camadas), tipo de pelagem (crespa, lisa, ondulada), textura da pelagem (macia, áspera, fofa). Bem como a extensão, ou seja, se a longo, curto ou médio.

Orelhas

Esta é uma característica muito específica de cada raça animal. Você pode encontrar orelhas de morcego, em v, longas, curtas, caídas ou levantadas. Este traço é muito distinto, existem até raças de cães que são semelhantes em muitos traços, mas diferem em suas orelhas. Logo, observe essa característica do peludo.

Cabeça

O tamanho e o formato da cabeça não são tão determinantes para resolver o dilema de como conhecer a raça do cachorro. Mas é um elemento que influencia na determinação de famílias de raças caninas. Por exemplo, a forma achatada e quadrada é semelhante em buldogue francês ou pug. Observe o formato da cabeça do seu pet e compare com as raças.

Cauda

Outro elemento da aparência física do animal que é preponderante na determinação das raças de cães é a cauda. Ela pode ser longa ou curta, ondulada ou lisa. Também pode ser inclinado ou ereto para trás. Este traço poderá te ajudar bastante!

Descobrindo a origem do meu cachorro

É importante lembrar que existem inúmeras raças de cães, muitas das quais com características semelhantes, logo, identificar precisamente não é algo fácil. No entanto, foram estabelecidos dados padrões que permitem a qualquer pessoa, até mesmo um não especialista em cães, identificar a raça de um filhote ou de um animal já adulto.

Inclusive, descobrir a raça do cachorro quando ele já tem mais de um ano de idade é bem mais fácil do que quando ele é filhote, pois quando o animal é adulto ele já tem boa parte das suas características físicas desenvolvidas. Na dúvida de como conhecer a raça do seu cachorro, dizemos que existem fatores que permitem identificar a espécie canina que você tem em casa. Esses elementos são:

  • Aparência física do animal, isso inclui o tamanho e as características físicas que permitem identificar as raças de cães que atendem a essa tal descrição. Esta é provavelmente uma das maneiras mais precisas de determinar os padrões da raça;
  • Características de temperamento. Isso também oferece informações precisas quando se trata de identificar uma raça de cachorro. No entanto, existem características no temperamento que podem associar o cão a inúmeras espécies, logo, esse método é um pouco mais difícil.

Dicas para identificar o padrão da raça

Determinar os padrões da raça não é tão complicado quanto parece. Siga estas dicas e você poderá solucionar a questão de como conhecer a raça e também o padrão do seu cãozinho. Confira:

  • Preencha um formulário com os dados precisos do seu cão. Nele você deve incluir o tamanho em centímetros, o peso, a cor da pelagem, as características da pelagem. Também as principais características, tais como: olhos esbugalhados, focinho achatado, etc;
  • Encontre todas as informações sobre a categoria do cão. Ou seja, se for pequeno, procure todas as raças de cães pequenos, e assim em diante;
  • Faça um banco de imagens. Existem cães com características semelhantes, filtre na internet e procure imagens precisas da raça que mais se assemelha ao seu cão;
  • Consulte um especialista. Sem dúvida, a opinião de um especialista é a mais correta e pode ajudar muito durante as suas pesquisas. Além disso, se o seu cão não possuir uma raça definida, o especialista vai auxiliar a encontrar as origens dele;
  • Leve-o para um teste genético. Isso permitirá que você avalie se o cão é puro ou misto. Além disso, de acordo com sua raça, você poderá saber se é propenso a alguma patologia comum em cães de sua espécie.

Como saber se o meu cachorro tem pedigree?

pedigree é um documento que certifica o registro genealógico de um cão de raça. Ou seja: é um certificado que comprova a ascendência biológica e genética de um cachorro, confirmando a pureza sanguínea da sua linhagem (pais, avós e bisavós, pelo menos). No Brasil, o pedigree também é chamado genericamente de Registro Geral (RG). Logo, se o seu cãozinho foi resgatado, ele provavelmente não possui pedigree. Mas nada impede você de tentar tirar o pedigree dele após descobrir sua origem.

Comentários