Cachorro uivando: o que significa e o que fazer

Seu cachorro está uivando e você não sabe o que significa? Veja nesse artigo o que significa o uivo e o que pode estar acontecendo para o seu cachorro uivar.
Cachorro uivando

Seu cachorro está uivando e você não sabe o que significa? Esse comportamento chama a nossa atenção e nos faz querer entender por que nossos amigos peludos fazem isso. Na verdade, em alguns casos, é possível que o dono do cachorro fique preocupado, principalmente quando o comportamento ocorre de forma anormal ou quando o cachorro está uivando muito.

Antes de tudo, é preciso saber que uivar é uma forma de comunicação que pode ser observada em todas as raças de cães. Ela é praticada há muito tempo pelos cães e tem até hoje algumas funções importantes, como funcionar como um sinal de alerta ou um sinal de que o seu pet está sentindo dor. Nesse artigo, vamos te apresentar porque os cachorros uivam e o que fazer caso esse comportamento aconteça.

Por que os cachorros uivam?

O uivo acompanha os cães desde as suas origens. Na verdade, como você deve imaginar, o uivo é uma característica que os cães herdaram de seus ancestrais, especialmente os lobos. Estamos acostumados a associar o uivo aos lobos e a ver o ato de uivar como algo essencialmente selvagem, que talvez não devesse acontecer com os cães.

Como você verá abaixo, no entanto, há uma variedade de razões para um cachorro uivar, e elas são, no geral, questões importantes para o seu cão ficar bem fisicamente e mentalmente.

Alerta

Assim como as espécies selvagens que costumam uivar, os cachorros podem usar o uivo para alertar sobre algo de estranho que eles estão percebendo. Tal como um lobo uiva para alertar a alcateia de que há um perigo por perto, nossos cães podem uivar para nos alertar de que há algo nas redondezas que eles consideram uma ameaça, como uma pessoa estranha ou um barulho anormal.

Por outro lado, pode ser que o nosso amiguinho queira apenas nos avisar sobre algo interessante que eles encontraram.

Conexão

Cães podem querer uivar para se conectar com os seus semelhantes ou com a sua família humana. É comum observar esse hábito entre os filhotes de algumas raças, como o Husky Siberiano, que gostam de uivar em grupo como uma forma de interação.

Essa vontade de se conectar pode também ocorrer em relação aos humanos, quando, por exemplo, os donos estão cantando e o cachorro começa a latir, simplesmente porque ele quer “fazer parte da festa”.

Territorialismo

Cachorros podem uivar para demarcar o seu território. É uma forma de avisar outros animais das redondezas que ele é o macho dominante naquele território, ainda que se trate da casa do seu dono.

Tédio e ansiedade

Cachorros podem uivar por razões emocionais como tédio ou ansiedade. Se o seu cachorro fica muito tempo sem receber algum estímulo, como passear ou se divertir com os seus brinquedos, é possível que ele comece a uivar apenas para se distrair com o barulho que é capaz de fazer.

A ansiedade também é um motivo frequente para cachorros uivarem, especialmente entre aquelas raças consideradas mais carentes. Se o seu cachorro fica muito tempo sozinho, ele começará a sofrer com sentimentos ruins e é possível que comece a uivar como uma forma de aliviar o stress e a ansiedade.

Estímulos no ambiente

É bastante comum cachorros uivarem quando escutam um ruído que consideram desagradável, como uma sirene, um trovão ou uma música muito alta. Nesses casos, o pet para de uivar assim que o ruído desaparece.

Dor

Por último, uma razão para o uivo na qual você deve prestar atenção. É possível que o seu cachorro apresente esse comportamento quando sentir uma dor ou desconforto em alguma região do corpo.

Nessas ocasiões, o uivo costuma ser mais frequente que o normal ou uivar mais alto conforme o animal se sente mais desconfortável. Para ter certeza de que se trata disso, você pode tentar verificar em qual região do corpo o seu pet está sentindo dor.

O que fazer quando o seu cachorro uiva?

Na maioria das vezes, o fato de o seu cachorro uivar não deveria causar preocupação. Trata-se de um comportamento natural em todas as raças, que pode acontecer por motivos até bem positivos. No entanto, se o seu cachorro está uivando muito, é bem provável que algo realmente esteja errado com a saúde dele.

Se o seu cachorro uivar devido a ansiedade ou tédio, esses sentimentos negativos podem ser resolvidos com medidas como passear com mais frequência, cercar o seu pet de estímulos positivos, como brinquedos, ou simplesmente interagir mais com ele.

Se houver algum ruído ou presença que esteja motivando o seu cachorro a uivar, é interessante afastar isso dele ou treiná-lo para não se sentir intimidado. Não há um treinamento específico para fazer o cachorro parar de uivar, mas uma combinação de comandos e incentivos pode fazer o seu pet diminuir esse hábito. Experimente recompensá-lo quando ele parar de uivar ou distraí-lo quando ele começar a uivar.

Por outro lado, se for uma dor ou desconforto físico a causa para o seu cachorro uivar, a recomendação é que o leve a um veterinário, que poderá identificar o problema e dizer qual será o tratamento.

Aliás, procurar um especialista é recomendado sempre que você julgar que o seu cachorro está se comportando de uma maneira estranha e que você não é capaz de identificar o problema ou resolver por conta própria.

A prevenção é o melhor remédio

Como vimos nesse artigo, uivar é um hábito normal entre os cães, mesmo entre aqueles que parecem bem “civilizados”. Normalmente, não se trata de um problema que deveria preocupar aos donos de cachorros, já que o uivo é uma ferramenta que os cães têm para se comunicar, reforçar os laços, precaver-se de ameaças, etc.

Por outro lado, o uivo excessivo ou anormal em cães é comum entre aqueles que não passaram por um processo adequado de socialização quando ainda eram filhotes. É nessa fase que os nossos amiguinhos aprendem como devem se comportar entre os seus semelhantes e entre os seres humanos.

Por isso, uma boa forma de prevenir esse e outros problemas de comportamento, como latir demais, é oferecer aos filhotes a necessária socialização, fazendo com que eles tenham contato com todas as situações que irão encontrar ao longo de suas vidas ao nosso lado.

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *