Cachorro pode ser vegetariano? Saiba mais!

Oferecer uma alimentação saudável para o seu cachorro é essencial. Por isso, saiba o porquê não é indicado que os cães sejam vegetarianos
filhote de cachorro em um jardim dentro de um cesto cercado por abóboras

Não há dúvidas de que o mercado pet está crescendo cada vez mais em todo o mundo. Mas as investidas nesse segmento não param, e agora começam a acompanhar também as modas, hábitos e até mesmo as dietas humanas.

E a nova aposta do momento são os snacks e rações vegetarianas e até mesmo veganas para cães e gatos. Além disso, alguns tutores investem em alimentação natural nesse formato. 

Mas será que esse estilo de alimentação é realmente saudável para os cães? Se você pensa em adotar esse tipo de dieta para o seu cãozinho mas ainda está em dúvida se pode ser realmente adequado, não se preocupe. Neste artigo, nós vamos explicar tudo sobre a dieta vegetariana para os cães. Para ficar por dentro, acompanhe até o final!

Os cães podem ter uma dieta vegetariana?

Para entendermos se uma dieta vegetariana ou vegana é ideal para os cães, é importante voltar na história e entender a origem dos cachorros. Os nossos peludos são descendentes diretos dos lobos, que são animais carnívoros. E durante muitos anos os cães se alimentavam apenas de restos de carne de caça ou de alguns tipos de animais que eles mesmos caçavam, como as galinhas.

Ao longo dos anos, ocorreram mudanças na dieta dos cachorros e além da chegada da ração, eles começaram a tolerar legumes e verduras. Mas isso não significa que eles podem viver sem proteína animal.

Médicos veterinários especialistas em nutrição de cães e felinos, afirmam que os cachorros necessitam de uma alta quantidade de proteína para atender suas exigências nutricionais e que dificilmente uma alimentação vegetariana ou vegana atende o perfil e necessidade desses animais. 

Como explicamos, por serem predadores, evolutivamente suas principais fontes eram outros animais, e até hoje a demanda de seus nutrientes é semelhante à composição de suas presas, então esses snacks e rações veganas e vegetarianas, são para entretenimento do animal. Se o tutor tentar substituir uma alimentação rica em proteína por uma dieta apenas à base de grãos, legumes e vegetais, o animal vai acabar sofrendo um grande déficit nutricional. 

É importante ressaltar que o caráter carnívoro dos pets deve ser lembrado e respeitado, e qualquer mudança na alimentação deve ser feita com a autorização e formulação da dieta por um médico veterinário especializado em nutrição de cães e gatos para que não haja deficiências nutricionais. Entretanto, dificilmente um profissional responsável irá permitir que um cachorro se alimente apenas de grãos, legumes e vegetais.

E mesmo que a dieta vegetariana tenha sido balanceada por um profissional, é uma possível violação do bem-estar animal. Existem estudos que provam que os alimentos preferidos de cães e gatos são carnes e vísceras, e retirá-los da alimentação, para impor um hábito que os seres humanos escolhem por motivos pessoais ou sociais, violam os pilares da liberdade nutricional e da expressão do comportamento natural das espécies.

Qual é a alternativa?

Caso você queira dar mais qualidade de vida para o seu peludo, a melhor opção é escolher a alimentação natural. Nesse estilo de dieta, o pet pode comer carne junto com alguns tipos de legumes, frutas e vegetais, evitando ao máximo produtos industrializados, como a ração. 

Nesse estilo de dieta, o pet consegue obter a quantidade de proteína necessária. Além disso, ele acaba tendo uma alimentação rica em vitaminas e minerais. Estudos mostram que esse estilo de dieta, dá ao animal mais saúde e qualidade de vida, mudando até mesmo o aspecto físico do pet, com um pelo mais saudável e brilhante. 

Posso oferecer snacks vegetarianos e veganos para o cachorro?

Se você quer agradar o pet com algo diferente, como um snack vegetariano, não tem problema. Ainda mais se o snack for um chips de abobrinha ou batata doce, por exemplo. No entanto, é importante ter em mente que esse tipo de snack não substitui uma refeição, e deve ser levado apenas como um agrado para o cãozinho. 

Além disso, é importante sempre conversar com um médico veterinário para entender de perto e de maneira detalhada quais são as necessidades nutricionais do seu amigo peludo. O profissional vai conseguir montar para o seu cachorro uma dieta adequada para ele, incluindo até mesmo alguns snacks vegetarianos e veganos. Não hesite em buscar ajuda de quem entende do assunto. Boa sorte!

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *