Plano de saúde para cachorro vale a pena? O que é preciso considerar?

Garantir os cuidados com o cão é essencial para uma vida mais saudável. Entenda como funciona o plano de saúde para cachorro
cachorro feliz no veterinário

De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), no país existem cerca de 54,2 milhões de cães nos lares do Brasil. Logo, acabam surgindo diversos serviços para atender a necessidade dos pets e também dos seus tutores. Entre esses serviços está o plano de saúde para cachorro, que muitas vezes é uma saída mais econômica para aqueles que gostam ou precisam levar os seus peludos com mais frequência ao médico veterinário.

E se você acha que o serviço não é popular, você se engana. Um estudo feito pela corretora de saúde Célebre em 2018, apontou que cerca de 120% dos tutores estão buscando por planos de saúde para os seus cães. E o motivo? De acordo com a organização, é a economia em até 25% dos gastos veterinários que têm com o seus bichinhos.

Ficou interessado? Neste artigo, nós vamos explicar tudo aquilo que você precisa considerar antes de buscar um plano de saúde para o seu cachorro. Acompanhe!

Como funciona o plano de saúde para cachorro?

O plano de saúde dos cães funciona da mesma forma como o dos humanos. O tutor paga uma taxa mensal e o pet tem acesso à clínicas, centros de exame, terapia, medicamentos, vacinação, gastos cirúrgicos e também hospitais veterinários.

A quantidade de serviços inclusos vai depender de quanto o tutor está disposto a gastar com o animal. Contar com um plano de saúde, faz com que o cachorro tenha um acompanhamento melhor por meio de consultas periódicas, sendo a melhor forma de prevenção.

Conforme o plano de saúde para o cãozinho é contratado, o pet passa a ter acesso a uma rede credenciada de saúde por toda a cidade em que mora. Normalmente, os atendimentos são feitos com horário agendado. Mas a maioria dos planos também cobrem situações de emergência, é importante estar atento a esse ponto na hora da contratação do serviço.

Ainda é importante verificar se as clínicas, hospitais e veterinários credenciados pela marca têm registro no Conselho Regional de Medicina Veterinária, garantindo a segurança do seu pet.

O que considerar na hora de escolher o plano de saúde para o cachorro?

Pesquise a credibilidade da empresa

Hoje existem diversas empresas que oferecem o plano de saúde para cães, no entanto, é muito importante estar atento à reputação, se realmente é confiável e se ela cumpre com aquilo que está no contrato. Para evitar surpresas, pesquise tudo o que conseguir sobre a empresa na internet e busque por avaliações de tutores que já contrataram os serviços.

De acordo com o Conselho Regional de Medicina Veterinária de São Paulo, o estado concentra quase 20 empresas com oferta de plano de saúde para cães. Enquanto algumas são recentes, outras já existem há mais de 15 anos. Opte sempre por as que tem melhores avaliações na internet. Além disso, sempre esteja atento a como funciona a política de ressarcimento da empresa, para evitar possíveis problemas.

Esteja atento as necessidades do pet

Os planos de saúde para animais podem oferecer diversos serviços, mas é importante você estar atento quais são as necessidades principais do seu cachorro, para não acabar gastando demais ou até mesmo optando por um plano incompleto. Esteja atento aos seguintes pontos:

  • Idade do pet;
  • Quadro de saúde dele – pois se ele apresentar alguma doença como diabetes ou até mesmo câncer, vai precisar de uma assistência maior;
  • Quais clínicas e hospitais veterinários aceitam o plano, pois é necessário ser perto da sua casa;
  • Se o plano cobre situações de emergência;
  • Número de consultas e atendimentos que podem ser realizados por mês;
  • Quais especialidades o plano vai cobrir;
  • Cobertura de exames e medicamentos.

Verifique se há uma central de atendimento

Problemas e dúvidas em relação ao plano de saúde do seu cãozinho podem surgir a qualquer momento, por isso, é muito importante que a empresa escolhida ofereça uma central de atendimento para auxiliar os tutores. Além disso, verifique também se eles possuem uma boa reputação na hora de sanar as dúvidas dos clientes que contrataram o serviço.

O plano de saúde nunca irá cobrir tudo

Por mais completo que possa ser o plano que você escolheu, é importante se atentar que nem sempre ele cobrirá todos os gastos do seu cachorro, logo, é interessante fazer o cálculo que você terá por fora. Dessa forma, você consegue se planejar, ver o que vale a pena, para que assim você não gaste muito.

Qual o preço de um plano de saúde para cachorro?

O preço do plano de saúde para cães vai variar bastante, não apenas pela quantidade de serviços oferecidos, como também na região em que o tutor vive com o pet.

De acordo com um levantamento realizado pelo Adoro Pets, é possíveis encontrar planos de saúde para cachorro a partir de R$ 59,90 mensais, mas alguns outros mais completos podem chegar a custar até mesmo R$ 595,90.

Quanto mais completo for, mais caro será. Por isso, esteja atento às necessidades do seu pet para que assim você possa fazer a melhor escolha.

Plano de saúde para cachorro: vale a pena?

Sim, vale a pena ter um plano de saúde especial para o cachorro, pois em alguns casos, o tutor pode economizar em até 25% nos gastos. Se você ainda tem dúvida, faça um levantamento dos preços das consultas e serviços oferecidos pelos hospitais e clínicas veterinárias e compare com o valor do plano de saúde para o cachorro.

Lembre-se também de colocar no papel a quantidade de vezes que o cãozinho costuma ir ao veterinário. Além disso, é importante estar atento ao fato de que com a adesão desse serviço, o pet estará melhor assistido e o tutor se sentirá mais apto em levá-lo ao veterinário quando perceber que algo não vai bem com a saúde do peludo. Boa sorte!

Comentários