Picada de aranha em cachorro: saiba o que acontece e como tratar

Saber como reagir diante de uma picada de aranha em cachorro é fundamental para ajudar o animal. Veja os sintomas e o que fazer nesse caso
cane corso e aranha

Se o seu cachorro foi picado por uma aranha, em primeiro lugar, não entre em pânico. Quando há uma emergência com o peludo, ainda mais quando se trata de envenenamento por picadas de insetos, você tem que estar controlado e calmo. A maneira como você reage a tal emergência pode definir o que vai acontecer com o seu cachorro.

Agora você deve se lembrar que picadas de aranha são uma situação que exige cuidados, embora às vezes dependendo do cachorro, as reações sejam diferentes. No entanto, você nunca deve subestimar uma picada de aranha, pois você não sabe se era venenosa ou não. Por isso, quando você ver aranhas, abelhas ou escorpiões perto do seu animal de estimação, coloque-o em segurança.

Entretanto, geralmente esses acidentes acontecem rapidamente e sem aviso prévio. Se você ainda não sabe o que fazer nessas situações, não se preocupe. Neste artigo, nós vamos explicar tudo o que você precisa saber sobre o assunto, incluindo como tratar o pet. Acompanhe até o final.

Sintomas da picada de aranha em cães

Em geral, as picadas de aranha em cães produzirão apenas uma marca avermelhada ou um leve inchaço mais ou menos visível. Alguns cães podem ficar incomodados com isso, e coçarão o local com frequência para tentar aliviar a coceira.

Em outros, as picadas podem ser complicadas por uma infecção, com a qual detectaremos vermelhidão, pus, dor ou calor na área. Nos casos em que a aranha é venenosa, é possível identificar sintomas também mais sérios, como:

  • Dor muito forte no local da picada;
  • Nervosismo e irritabilidade, ele pode rosnar ou até mesmo morder;
  • Febre;
  • Fraqueza, o animal fica sem conseguir fazer muito esforço;
  • Descoordenação e tontura;
  • Paralisia de algumas partes do corpo, principalmente no local da picada;
  • Dores articulares e musculares;
  • Rigidez muscular e abdominal;
  • Convulsões;
  • Problemas respiratórios;
  • Hipersalivação, ou seja, ele começa a babar em excesso;
  • Vômito e diarreia.

Em casos gravíssimos, o cão entra em choque e morre, infelizmente em pouco menos de 2 horas. O resultado fatal geralmente acontece apenas quando o animal é picado pela aranha Viúva Negra ou apresenta reação incomum ao veneno da aranha.

O principal problema é que esses sintomas são compatíveis com várias patologias, de modo que, a menos que vejamos a aranha, o diagnóstico pode não ser correto. Logo, é importante avaliar se o local onde você vive existem aranhas. Se sim, dedetize o ambiente.

Ao notar qualquer um dos sintomas acima, não hesite em buscar ajuda. No caso das picadas de aranha, o tempo é crucial para salvar o vida do animal. Diagnósticos em casa são perigosos e em grande parte das vezes, é feito de maneira incorreta.

O que fazer quando o cachorro é picado por uma aranha?

Caso você viva em um ambiente onde são encontradas aranhas potencialmente tóxicas para os cães ou suspeita que uma aranha tenha mordido o pet, a primeira medida a ser tomada é a ida com urgência ao médico veterinário.

Existe um antídoto específico para tratar este tipo de picada, que faz efeitos em poucos minutos, no entanto, só pode ser administrado por um profissional na clínica veterinária por via intramuscular ou intravenosa. Infelizmente não há como tratar em casa.

O antídoto apresenta efeitos colaterais, por isso requer um controle veterinário e o animal precisa ficar em observação por pelo menos 24 horas. A melhor ajuda que o tutor pode dar neste momento ao cãozinho, é tentar capturar a aranha ou tirar uma foto dela e levar ao veterinário, pois isso facilitará todo o tratamento.

Além do antídoto, outros medicamentos serão administrados de acordo com os sintomas do cão, principalmente para aliviar as dores causadas pela picada da aranha.

Mesmo após tomar o antídoto, a recuperação pode levar semanas. Quando o animal for liberado para ir para casa, é muito importante que antes, você verifique todo o local para que outros acidentes como esse não ocorram novamente.

Fique atento! Se as aranhas são um problema onde você vive com o pet, é recomendável buscar ajuda para se livrar delas, pois a sua vida e do peludo estará em risco. Boa sorte!

Comentários