Cachorro tem chulé? Descubra o que é o odor que surge nas patas dos cães

Você já notou que os cães também podem ter mau odor nas patas? Veja as causas e como eliminar o "chulé" nos cachorros
cachorro deitando dando a pata

Se você já cheirou as patas do seu pet, certamente notou que elas têm um cheiro muito particular e muitas vezes pode ser nada agradável, semelhante ao chulé dos humanos. E sim, os cães também podem ter um odor ruim nas patas, assim como ocorre com os humanos.

Mas fique tranquilo e não se desespere! É possível diminuir esse odor nas patas dos cães. Neste texto, vamos dizer-lhe o que é esse cheiro, porque ele aparece e como fazer para deixar as patas do pet mais cheirosas. Acompanhe até o final!

Por que os cães têm mau odor nas patas?

 O cheirinho presente nas patas dos cães, parecido com chulé, na realidade é causado por leveduras e bactérias naturais conhecidas como Pseudomonas e Proteus, que vêm do solo ou da água e se instalam nos coxins das patinhas do seu pet.

A pata do cãozinho entra em contato com diversas substâncias ao longo do dia, além da própria transpiração, por isso o odor se instala. No entanto, você não precisa – e nem deve – ficar lavando e limpando a pata do seu cachorro o tempo interno achando que isso é falta de higiene, pois na realidade é apenas uma reação comum.

Além do cãozinho ficar com os “pés e mãos” em contato direto com o solo, a transpiração que ocorre naturalmente pelas patas deixa a região mais úmida e propensa ao cheirinho ruim. Logo, você deve sim higienizar a pata do cachorro, mas apenas quando ele for tomar banho.

Limpar a pata em excesso, pode tirar as defesas naturais da pele do animal. É importante ter muito cuidado e atenção nessa parte. Entretanto, se o cheiro estiver muito forte, você deve levar o animal ao médico veterinário, pois o odor forte e persistente pode indicar inflamação, infecção, unha encravada ou corpo estranho dentro dos coxins (como um caco de vidro ou prego), sarna ou Malassezia – uma doença fúngica.

Como limpar a pata dos cães corretamente?

Mesmo que você não deva limpar a pata dos cães todos os dias, é importante saber higienizá-las na hora do banho do cãozinho, pois dessa forma você pode evitar inflamações e outros tipos de doenças fúngicas. Além disso, a higienização correta das patas faz com que o “chulé” dos pets diminua consideravelmente. Acompanhe!

Aspectos a serem levados em consideração ao limpar as patas do cão:

  • Limpe muito bem os dedos e as unhas. Faça isso separando e esfregando cada um de seus “dedos” e não se esqueça de também esfregar suavemente, mas com firmeza, as almofadinhas das patas;
  • Após a lavagem, use uma toalha limpa para secar muito bem, isso evitará que escorreguem ou deixem vestígios de umidade pela casa;
  • Mantenha o pelo das patas bem aparado, pois uma grande quantidade de pelo na região favorece o chulé;
  • Use sempre produtos especiais, como spray anti-sépticos, para patas de cachorro. Aplique o spray por toda a pata, o produto funcionará como uma camada protetora;
  • Evite o uso de sapato para pet, pois esses, principalmente no calor, favorecem o mau odor das patas;
  • Coloque uma estação de limpeza na entrada da casa. Pode ser um pano limpo, um balde de água limpa ou lenços umedecidos e toalhas secas. Assim você conseguirá remover o excesso de sujeira das patas do pet sem muito esforço;
  • E por último, invista sempre em banhos e na tosa higiênica do bichinho, assim você manterá ele sempre cheiroso e limpo. Boa sorte!

Comentários