Cachorro pode comer inhame? Tire suas dúvidas sobre o preparo

Os cães podem comer inhame, mas deve ser preparado de forma correta para não trazer riscos. Veja como oferecer para o pet
inhame

Cada vez mais as pessoas buscam alternativas saudáveis para a dieta de seus pets e a alimentação natural é uma ótima opção, pois traz muitos benefícios para os cães, como o tratamento da obesidade.

Entretanto, a alimentação natural não se baseia somente em oferecer legumes e verduras aos cães, é preciso pesquisar sobre cada alimento, entendendo como é processado no organismo deles. Afinal, cada animal possui suas particularidades. Nesse artigo, vamos te contar se cachorro pode comer inhame e como deve ser oferecido. Acompanhe!

Cachorro pode comer inhame?

Sim, cachorros podem comer inhame. Porém, deve ser servido cozido e sem casca, pois contém grande quantidade de fibras, se tornando difícil de ser digerido ainda cru pelos cães. É indicado principalmente para os pets que estão acima do peso, já que é um alimento com pouco gordura e baixas calorias.

O inhame é rico em vitaminas do complexo B e vitamina C, que é bom para o coração e para o sistema imunológico dos cães. Além de oferecer nutrientes como potássio, cobre, magnésio, cálcio e fósforo, também atua como antioxidante, eliminando toxinas do organismo.

Mas lembre-se! Ofereça de forma mais natural possível, pois alguns temperos são tóxicos, como a noz-moscada. Além disso, o inhame não deve se tornar a base alimentar do cão, portanto, opte por oferecer com alguma proteína de acompanhamento e consulte um veterinário para uma prescrição personalizada.

Petisco de inhame para os cães

lulu da pomerania
  • Lave o inhame, descasque, pique em tamanhos pequenos e deixe de molho por 20 minuto
  • Pré-aqueça o forno a uma temperatura de 180ºC e unte uma assadeira com óleo de coco
  • Mantenha a temperatura e deixe assar por 10 minutos. Vire os pedaços e leve ao forno novamente por mais 10 minutos
  • Espere esfriar e servia seu pet, ele vai adorar esse snack!

Por fim, vale ressaltar que em casos raros, alguns cães podem ser alérgicos ao inhame, então converse com o veterinário antes de introduzir o alimento na dieta do seu pet.

Comentários