Cachorro pode comer batata? Saiba a forma que os cães podem comê-la

A batata é rica em nutrientes e pode ser benéfica para os cães, desde que não esteja crua. Entenda como preparar corretamente
cachorro e saco de batata

A batata é um alimento versátil na hora de ser servido. Pode ser frita, assada, cozida, batata chips… mas será que cachorro pode comer batata? Como deve ser preparada? Posso dar batata frita pro meu cachorro?

As dúvidas são muitas e apesar de fazer muito bem para os humanos, é importante se informar na hora de oferecer um alimento novo para o cachorro. Por isso, vamos explicar os benefícios e malefícios da batata e apresentar a maneira correta de incluir o alimento na dieta do seu cão.

Cachorro pode comer batata?

Sim, os cachorros podem comer batata. Entretanto, ela possui uma substância chamada solanina que é tóxica para cães, então nunca dê batata crua para o seu pet comer e certifique-se de cozinhá-la ou assá-la sem nenhum tempero.

Sabendo disso, se oferecida de forma correta, a batata pode trazer diversos benefícios. Rica em vitamina C, ela trabalha no sistema imunológico e atua na produção de colágeno, possui vitamina B6, que auxilia na produção de proteínas e hormônios, também contém ferro, produtor da hemoglobina, conta com o potássio que é essencial para o coração e também o magnésio, que age no sistema nervoso.

Cachorro pode comer batata frita?

A batata frita pode ser servida para o cachorro, desde que preparada sem óleo – utilizando air fryer, por exemplo. Lembrando que não há necessidade de temperar com sal, pois temperos são tóxicos para os cães.

É importante ressaltar que todo tipo de fritura deve ser evitada quando se trata de cachorros, principalmente a que vem do fast food, pois contém muito sal e conservantes. O mesmo vale para a batata chips, que além do sal, carrega excesso de sódio. Industrializados nunca são uma boa ideia para a alimentação canina.

Por fim, é importante ressaltar que a batata possui muitos carboidratos, então cães acima do peso devem evitar. E não se esqueça de sempre consultar o veterinário antes de servir um alimento novo para o seu peludo.

Comentários