Boerboel: curiosidades, características físicas e personalidade do cão africano

O boerboel é um cachorro da África do Sul, muito protetor e afetuoso. Confira os fatos curiosos sobre essa raça
boerboel deitado na grama

O boerboel é um cãozinho de origem africana que foi criado para auxiliar os agricultores e os fazendeiros no pastoreio. A raça é bem antiga e acredita-se que ele seja uma mistura de cães do grupo mastiff e bulldog, o que faz com que ele seja um animal forte, de grande porte e uma raça bastante inteligente.

E por mais que tenha todas as características para ser um excelente cão de guarda, esse cãozinho é extremamente carinhoso, calmo e amoroso, até mesmo com estranhos. A raça não é muito popular ou conhecida no Brasil e tem sua grande popularidade localizada no continente africano, no entanto, é repleta de curiosidades incríveis e alguns brasileiros criam a raça por aqui.

Logo, se você quer saber mais sobre essa raça incrível, acompanhe o texto até o final. Neste artigo, vamos contar um pouco sobre sua personalidade, história, curiosidades e o preço desse pet no Brasil. Vamos lá!

A história do boerboel

Mesmo não tendo muitas notícias sobre sua história, acredita-se que o boerboel se originou a partir de cruzamentos entre cães domésticos nativos Sul-africanos com as raças mastins, buldogues e até dogos, importadas para a África do Sul por colonos holandeses, franceses e britânicos em 1652.

Curiosamente, o boerboel é a única raça sul-africana conhecida até hoje, e apesar de não ter sido homologada pela Federação Cinológica Internacional (FCI), foi reconhecida recentemente pelo American Kenel Club (AKC).

A história que é contada sobre o surgimento do boerboel é que no século XVII, um empregado da Companhia Holandesa das Índias chamado Jan van Riebeeck foi mandado para a África do Sul para estabelecer um posto comercial no local.

Riebeeck trouxe com ele um grande Mastiff – o tipo de cão que eventualmente cruzou com os molosos nativos e outras raças que vieram com os colonizadores. Com o passar das gerações, o boerboel acabou surgindo e se popularizando entre os agricultores e fazendeiros africanos.

Curiosidades e características sobre o boerboel

boerboel recebendo carinho da criança

1. Um grande agricultor

A palavra boerboel, provém do vocábulo boer, que em holandês e africano significa agricultor. A partir disso o nome da raça Boerboel pode ser traduzido, literalmente, como cão agricultor ou cão de pastoreio. Os agricultores africanos utilizavam esses cães para trabalhar, brigar e acima de tudo, para proteger os seus terrenos.

2. Amigo de toda a família

O boerboel é inteligente, equilibrado, seguro de si mesmo, fiel, obediente e afetuoso com seus donos. É um cão que é bom com as crianças e idosos, mas é muito importante ter cuidado com o porte dele, uma vez que o boerboel tem um porte quase gigante. Brincalhão com os membros de sua família, tem um grande instinto protetor e guardião com aqueles que ele considera parte da sua família.

3. Pode ser sensitivo

Dizem que o boerboel é muito perceptivo, podendo supostamente até sentir os humores de seus donos, sendo especialmente alertas nesse sentido quando estranhos estão por perto. Logo, por mais que não sejam agressivos com estranhos, se sentem que os tutores estão em perigo ou incomodados com algo ou alguém, ele não medirá esforços para protegê-los.

4. Não podem viver em ambientes pequenos

Por ser uma raça grande e ativa, o boerboel pode não ser totalmente feliz vivendo em um apartamento. Um quintal grande e bem cercado é muito mais recomendado para essa raça. Eles também precisam de caminhadas diárias para manterem sua saúde física e mental. Não se esqueça de sempre mantê-los em uma coleira, pois eles são uma raça canina grande e forte.

5. Olhos caídos

Essa raça possui uma estrutura musculosa e bem balanceada, coberta com uma pele solta e com a pelagem curta e densa. Seu focinho é preto e quadrado, com narinas largas e olhos grandes, combinando com as suas orelhas caídas em forma de “V”. Os cães da raça boerboel possuem um pescoço forte, peito profundo e as suas caudas são curtas e inseridas no alto.

6. Inteligente porém teimoso

Quando se trata de treinamentos, os boerboels tendem a ser dominantes e exigem um adestrador firme, que estabeleça limites, mas sem tanta severidade. Por isso, não são recomendados para tutores de primeira viagem. A raça é extremamente inteligente e não precisa de tantas repetições para dominar o exercício, entretanto, justamente por sua característica dominante, tende a ser um pouco teimoso.

Como é a saúde do boerboel?

boerboel

Os cães da raça Boerboel são cães de grande porte, logo, a expectativa deles pode ser de 10 até 12 anos. E devido ao tamanho, os cães dessa raça podem problemas nos quadris, como a displasia, e também nos cotovelos.

Além disso, também podem apresentar doenças oculares, como a entropia e ectripía. E as fêmeas dessa raça podem sofrer também de prolapso vaginal. Logo, é muito importante que ele faça visitas frequentes ao médico veterinário. Outro ponto, é manter as vacinas e vermífugos sempre em dia.

O boerboel apresenta um nível de energia moderado, logo, precisa fazer apenas caminhadas de até 30 minutos duas vezes ao dia. Além disso, para estimular sua inteligência, é muito importante que o tutor sempre busque brincar com ele. Muito fáceis de cuidar, um cão boerboel precisa apenas de escovações regulares para tirar os pelos mortos e banhos uma vez ao mês.

Preço do boerboel

O boerboel não é muito comum no Brasil, logo, o futuro tutor pode pagar cerca de R$ 3.000 a R$ 6.000. Conseguir comprar um filhote da raça no país pode não ser muito fácil, por isso, é muito importante fazer faça algumas pesquisas para conseguir encontrar o boerboel legítimo.

Mas lembre-se! A adoção é o melhor caminho quando o assunto é ter um pet em casa. Boa sorte!

Comentários