Ração Vetlife é boa? Veja avaliação completa em Maio de 2022

Procurando uma boa ração para seu cachorro? Veja a avaliação completa sobre a ração Vetlife. Atualizado em Maio de 2022.

Algumas rações são desenvolvidas para fins específicos, podendo combater doenças, contribuir para a manutenção do peso ideal ou auxiliar em tratamentos médicos. Elas são aliadas da boa saúde e garantem não só sabor, mas uma vida mais longa e feliz.

A Vetlife é uma linha medicamentosa que oferece uma dieta natural. Mas para saber se ela é mesmo boa, é importante analisar seus principais ingredientes e destacar seus pontos positivos e negativos. Nesse artigo, iremos entender se essa é ou não uma ração bem recomendada.

Sobre a ração Vetlife

A Vetlife é uma ração do tipo medicamentosa, o que significa que é um complemento para tratamentos de saúde. Por isso, é essencial que antes de introduzir essa ração à dieta dos cães, os tutores se informem com o veterinário, a fim de definir se essa é mesmo a ração mais indicada para cada caso.

Diante disso, a Vetlife é uma linha veterinária que oferece uma dieta totalmente natural, ela é livre de ingredientes transgênicos e possui conservantes naturais, além de contar com ingredientes de baixo índice glicêmico.

A linha possui diversas embalagens, que atuam no tratamento e combate à diversas doenças, como distúrbios urinários, insuficiência hepática, cardíaca e renal. Além disso, visa cuidados com a saúde de cães obesos e com alergias ou intolerâncias.

Principais ingredientes da ração

Os primeiros ingredientes da Vetlife são a farinha de vísceras de aves e o ovo em pó, fontes de proteínas, que são importantes para o bom desenvolvimento muscular. Também é possível encontrar farinha de peixe, farinha de torresmo, hidrolisado de fígado suíno e proteína hidrolisada de peixe em suas embalagens.

Ingredientes

Farinha de peixe salmão, quirera de arroz, óleo de peixe refinado, gordura de frango, celulose, DL-metionina, triptofano, tirosina, taurina, parede celular de levedura (mannan-oligossacarídeos), extrato de yucca, zeolita, hidrolisado de peixe, vitaminas (A, D3, E, K3, B1, B2, B6, B12, C, H, PP, ácido pantotênico, ácido fólico, cloreto de colina), cloreto de sódio, carbonato de cálcio, cloreto de potássio, transquelato de ferro, transquelato de cobre, transquelato de zinco, transquelato de manganês, transquelato de selênio, iodato de cálcio, propionato de cálcio, concentrado de tocoferóis.

A quirera de arroz, amido de batata e aveia descascada são os principais carboidratos, que são responsáveis por proporcionar energia. Também há presença de gordura de frango e óleo de peixe refinado, este que é fonte de ômegas 3 e 6.

A Vetlife ainda age em outros cuidados, como o bom funcionamento do intestino, já que conta com prebióticos, polpa de beterraba, casca de psyllium, extrato de yucca e zeólita, reduzindo ainda o volume e odor das fezes.

Por fim, a levedura seca de cervejaria favorece o sistema imunológico e a L-carnitina e taurina auxiliam no sistema muscular, nas funções do coração e no emagrecimento.

Quantidade de ração Vetlife

De acordo com o fabricante, esta deve ser a quantidade de ração de acordo com as características do cachorro:

Peso do cão Magro Adequado Sobrepeso
1 kg 35 g 30 g
5 kg 115 g 100 g 85 g
10 kg 195 g 165 g 140 g
20 kg 325 g 275 g 240 g
30 kg 445 g 375 g 325 g
40 kg 550 g 465 g 400 g
50 kg 650 g 550 g 475 g
60 kg 745 g 630 g 545 g
70 kg 835 g 710 g 610 g
80 kg 925 g 785 g 675 g

Perguntas frequentes

A Vetlife contém transgênicos?

Não, a ração é livre de ingredientes transgênicos.

A Vetlife contém aditivos químicos?

Não, a ração é conservada de forma natural.

Quais são as rações disponíveis na linha?

  • Vetlife gastrointestinal: Para cães com dificuldade digestiva e de absorção ou com insuficiência pancreática, podendo ser oferecida também a cachorros que passaram por cirurgias no trato digestivo.
  • Vetlife hepatic: Para cães com insuficiência hepática crônica.
  • Vetlife growth & convalescence: Para cães em crescimento, em recuperação nutricional ou convalescentes, podendo ser oferecida a fêmeas gestantes ou em lactação.
  • Vetlife ultrahypo mini e Vetlife ultrahypo: Para cães com alergias ou intolerâncias alimentares.
  • Vetlife urinary struvite: Para cães com distúrbios urinários por conta da formação de cristais e urólitos de estruvita (fosfato amônio magnesiano).
  • Vetlife cardiac: Para cães com insuficiência cardíaca.

Pontos positivos da ração

Livre de transgênicos

A Vetlife não contém ingredientes transgênicos em sua composição, o que é o mais indicado de acordo com alguns especialistas. Porém, é importante entender que não existem estudos que comprovem que os transgênicos façam mal à saúde dos cães.

Conservantes naturais

O mais recomendado é que as rações sejam conservadas de forma natural, como a acontece com a Vetlife, o que ajuda ainda na longevidade canina.

Variedade de produtos

A Vetlife oferece uma linha extensa, com produtos que atendem a diversos tipos de problemas e sensibilidades, atendendo a muitos tipos de cães.

Pontos negativos da ração

Apenas para cães adultos

Apesar de possuir variedade de produtos, a linha foi pensada para cães adultos, deixando de lado os filhotes e cães sênior.

Afinal, a ração Vetlife é mesmo boa?

Sim, a Vetlife é uma boa ração. Sua composição oferece variedade de proteínas e carboidratos de qualidade. Além de atuar no tratamento e combate a diversas doenças e problemas de saúde, ela ainda age em outros cuidados, como na saúde do coração e na redução do odor das fezes.

A linha ainda é livre de transgênicos e antioxidantes sintéticos. Porém, apesar de oferecer variedade de produtos para tratamentos específicos, a linha não possui embalagens para faixas etárias diferentes, o que pode ser um problema para alguns tutores.

Comentários