Como acostumar o cachorro com o nome? Veja 4 dicas

Se o seu cachorro está com dificuldades de reconhecer o próprio nome, confira 4 dicas que irão te ajudar nessa situação
Spitz japonês com brinquedo

Dar um novo nome para um cãozinho é sempre interessante. A maioria dos tutores pesquisa bastante e sempre escolhem um nome que traga algum significado especial para nomear o peludo. No entanto, por mais legal que o nome pareça ser, o cachorro pode facilmente não entender ou conseguir atender o apelido escolhido pela família. O que pode ser bem frustrante e difícil para o tutor.

Mas para tudo tem uma solução. Se você escolheu o nome para o seu cãozinho e ele não atende, não se preocupe. Existem algumas dicas que você pode seguir para fazer com que o seu amigo de quatro patas comece a entender o nome escolhido. Por isso, neste artigo, nós vamos te passar todas essas dicas e te ajudar. Acompanhe até o final!

4 dicas para ajudar o seu cachorro a acostumar com o nome

Antes de explicarmos para você as dicas, é importante entender que cada cãozinho levará o seu tempo para se acostumar com o nome escolhido pelo tutor, logo, dificilmente isso acontecerá do dia para a noite, pois é um processo que leva tempo. Por isso, antes mesmo de seguir com as dicas, é de suma importância que você dê tempo ao tempo e respeite o do seu cão. Não exija muito dele no início, nem entenda como frustrante caso seja difícil, pois por mais que demore, vai acontecer. É preciso ter paciência. 

Escolha um nome fácil e curto 

Existem algumas raças de cães, como o border collie e o pastor alemão, que são extremamente inteligentes e podem conseguir compreender e atender a nome mais longos. No entanto, essa não é a regra para todos os cães, alguns não conseguem compreender nomes difíceis. Logo, é importante que o tutor tenha em mente que os cães não possuem uma inteligência humana, por isso, opte por nomes mais curtos e fáceis.

Além disso, busque nomes com vogais, curto e que seja diferente de palavras que são tidas comumente no dia a dia ou que se assemelham a comandos, como “deita”, “senta” e “fica”. É importante não confundir a cabeça do seu amigo peludo. Isso ajudará e muito para ele diferenciar um som aleatório, do som que o nome dele ecoa. Um nome com no máximo 3 ou 4 sílabas seria o ideal. Se conseguir menos, melhor.

Evite nomes de pessoas 

Essa não é uma regra, mas nomes de pessoas podem ser longos e de difícil compreensão para o animal. Então, por mais que seja “moda” ou até mesmo divertido colocar o nome de pessoas em cães, esta não é a coisa ideal a fazer quando você quer saber como acostumar o seu cachorro com o seu nome. Isto porque um nome humano muitas vezes possui muitas sílabas e consoantes difíceis, o que dificulta o processo.

Não associe o nome a momentos negativos 

Cachorros são muito associativos, por isso é muito importante que você não decida associar o nome do pet a momentos negativos. Por isso, brigar com o seu cão usando o nome dele, pode causar uma confusão na mente dele e fazer com que ele sinta até mesmo medo do apelido escolhido. 

Associe o nome a momentos positivos e felizes

Da mesma forma que o cão associará pontos negativos com seu nome, caso você brigue com ele chamando-o pelo nome, eles também associarão elogios e coisas positivas. Ou seja, uma das melhores técnicas para você fazê-lo se acostumar com o nome, é elogiá-lo usando o nome. Isto causará uma sensação boa na mente dele e fará com que ele, futuramente, atenda muito mais fácil quando ouvir os timbres do nome dele.

Gostou das dicas? Compartilhe nos comentários outra técnica que você saiba também.

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *