Ração Origens Yorkshire, Maltês e Spitz é boa? Veja avaliação completa em Maio de 2022

Procurando uma boa ração para seu cachorro? Veja a avaliação completa sobre a ração Origens Yorkshire, Maltês e Spitz. Atualizado em Maio de 2022.

Os cães de porte pequeno precisam de rações diferentes, que atendam às suas necessidades nutricionais e possuam grãos de tamanho adaptado. Para isso, os tutores podem buscar por dietas específicas para cada raça.

A Origens Yorkshire, Maltês e Spitz foi desenvolvida para oferecer uma dieta completa para essas três raças, mas será que ela é mesmo de qualidade? Nesse artigo, iremos analisar seus ingredientes, destacar seus pontos positivos e negativos e definir de vez se essa é ou não uma ração bem recomendada.

Sobre a Origens Yorkshire, Maltês e Spitz

A ração Origens Yorkshire, Maltês e Spitz é uma ração do tipo Premium Especial, o que significa que possui qualidade intermediária. Isso acontece porque ela está classificada acima das rações Premium, mas ainda abaixo das Super Premium, que são as mais indicadas.

O objetivo da ração é suprir as necessidades nutricionais dos exemplares das raças yorkshire, maltês e spitz, promovendo bem-estar e sabor para a dieta. Para isso, conta com diversos componentes que agem nos cuidados com a saúde e aparência dos peludos.

Entre os principais benefícios, é possível encontrar a redução do tártaro, cuidados com a saúde da pele, manutenção dos pelos, e equilíbrio intestinal, reduzindo ainda o odor das fezes. Vale destacar ainda que seus grãos possuem tamanho adaptado para porte pequeno.

Principais ingredientes da ração

Os primeiros ingredientes na composição da Origens são farinha de vísceras de aves e farinha de carne e ossos bovino, que são fontes de proteínas, importantes para o desenvolvimento dos músculos e condição corporal ideal.

Ingredientes

Farinha de vísceras de aves, milho integral moído*, farinha de carne e ossos bovino, farelo de trigo, óleo de vísceras de aves, palatabilizante de vísceras de suíno e frango, cloreto de sódio (sal comum), semente de linhaça, maçã desidratada, vegetais desidratados (cenoura, espinafre e polpa de beterraba), farinha de algas Schizochytrium sp., hexametafosfato de sódio (0,1%) prebióticos (inulina e parede celular de levedura), extrato de yucca (0,05%), colágeno hidrolisado (0,04%), sulfato de glucosamina (0,04%), sulfato de condroitina (0,004%), vitaminas (A, D3, E, C, K3, B1, B2, B6, B12, biotina, ácido fólico, pantotenato de cálcio, niacina, cloreto de colina), minerais (sulfato de ferro, sulfato de cobre, iodato de cálcio, óxido de manganês, óxido de zinco, proteinato de zinco, selenito de sódio, selênio levedura), taurina, L-carnitina (0,001%), ácido propiônico, BHA, BHT.

Também estão presentes os carboidratos, entre eles o milho integral moído e farelo de trigo, responsáveis por proporcionar energia para o organismo. Se destacam ainda o óleo de vísceras de aves, semente de linhaça e as frutas e vegetais desidratados, que oferecem uma dieta rica em vitaminas.

A Origens também possui componentes que agem em outros cuidados, como a saúde bucal, devido ao hexametafosfato de sódio, e dá suporte aos ossos e articulações, já que contém condroitina e glicosamina. Já para realizar os cuidados com os pelos, possui biotina, e para equilibrar o intestino e reduzir o odor das fezes, possui prebióticos e extrato de yucca.

Quantidade de ração

De acordo com o fabricante, esta deve ser a quantidade de ração de acordo com as características do cachorro:

Peso do cão Quantidade diária
Atividade física baixa Atividade física moderada Atividade física alta
1 a 2 kg 25 a 45 g 30 a 50 g 35 a 60 g
2 a 3 kg 45 a 60 g 50 a 70 g 60 a 80 g
3 a 4 kg 60 a 75 g 70 a 85 g 80 a 100 g
4 a 5 kg 75 a 90 g 85 a 100 g 100 a 120 g
5 a 7 kg 90 a 110 g 100 a 130 g 120 a 160 g
7 a 10 kg 110 a 150 g 130 a 590 g 160 a 200 g

Perguntas frequentes

A Origens Yorkshire, Maltês e Spitz contém transgênicos?

Sim, a ração possui milho transgênico em sua composição.

A Origens Yorkshire, Maltês e Spitz contém aditivos químicos?

Sim, sua fórmula possui antioxidantes sintéticos BHA e BHT.

Quais são as rações disponíveis na linha?

  • Origens para cães filhotes Yorkshire, Maltês e Spitz
  • Origens para cães adultos Yorkshire, Maltês e Spitz

Pontos positivos da ração

Variedade de produtos

A Origens Yorkshire, Maltês e Spitz conta com embalagens específicas para cães filhotes e adultos, o que é importante para garantir a nutrição adequada para cada fase da vida.

Nível de proteínas

O recomendado é que a quantidade mínima de proteínas nas rações caninas seja 16%. Na composição da Origens Yorkshire, Maltês e Spitz é possível encontrar entre 23 e 28%, o que indica um nível elevado desse nutriente, que é importante para garantir sabor e desenvolvimento para os pets.

Componentes funcionais

A composição da Origens Yorkshire, Maltês e Spitz conta com diversos componentes que agem nos cuidados com a saúde e aparência dos cães. Alguns deles são o hexametafosfato de sódio, que cuida da saúde dos dentes, biotina, que age nos pelos e condroitina e glicosamina, que dão suporte para as articulações. Além disso, seus prebióticos favorecem o trânsito intestinal e o extrato de yucca reduz o odor das fezes.

Grãos de tamanho adaptado

A Origens Yorkshire, Maltês e Spitz possui grãos de tamanho reduzido, para atender bem aos cães de pequeno porte. Assim, estimula a correta mastigação, evitando engasgos e problemas gastrointestinais.

Preço acessível

A Origens Yorkshire, Maltês e Spitz possui preço acessível, o que pode ser um diferencial para os tutores. Mas vale lembrar que o valor pode variar de acordo com o fornecedor do produto.

Pontos negativos da ração

Possui transgênicos

A composição da Origens Yorkshire, Maltês e Spitz conta com ingredientes transgênicos, o que não é bem recomendado. Contudo, é importante que os tutores entendam que ainda não existem estudos que comprovem que os transgênicos nas rações caninas são prejudiciais para a saúde.

Possui antioxidantes sintéticos

O mais recomendado é que as rações sejam conservadas de forma natural, a fim de manter a boa saúde e favorecer a longevidade. Porém, a Origens Yorkshire, Maltês e Spitz se utiliza de antioxidantes sintéticos, o que pode ser ruim para a saúde dos cães.

Afinal, a ração Origens Yorkshire, Maltês e Spitz é boa?

Sim, a Origens Yorkshire, Maltês e Spitz é uma ração de qualidade. Ao analisar sua composição, é possível encontrar ingredientes de qualidade, que são fontes de proteínas e carboidratos, além de conter frutas e vegetais desidratados.

Além disso, oferece componentes que agem de diversos cuidados, como a saúde de dentes e articulações, manutenção dos pelos e equilíbrio intestinal.

Por outro lado, é importante que os tutores saibam que a ração possui ingredientes transgênicos e antioxidantes sintéticos, o que pode ser ruim para a saúde dos cães.

Comentários