Cachorro com medo de trovão: como ajudá-lo? Saiba 5 dicas úteis

Se o seu cachorro tem medo de trovão, há algumas atitudes que você pode tomar para ajudá-lo nesse momento. Confira!
cachorro debaixo das cobertas com medo

Cerca de um terço dos cães têm medo das tempestades, do barulho da chuva, do trovão ou mesmo do clarão de um raio. É algo que acontece devido a vários fatores como a grande capacidade auditiva ou inseguranças não trabalhadas a nível psicológico. Logo, acalmar um cachorro com medo de tempestade não é complicado, porém é algo que devemos fazer para que, aos poucos, o medo diminua e assim o animal consiga viver de maneira mais tranquila, principalmente se ele mora em um local onde chove com frequência.

Neste artigo, nós vamos te dar dicas muito importantes e eficazes para você ajudar o seu pet. Essas dicas também funcionam caso o animal também sinta medo de outros tipos de barulhos, como os dos fogos de artifício ou até mesmo utensílios domésticos. Por isso, se o seu objetivo é ajudar o seu amigo de quatro patas, leia o artigo até o final!

Como acalmar o cachorro com medo de trovão?

A fobia de trovão, raio, raio, chuva ou tempestades em geral é chamada de Brontofobia e é muito mais comum do que imaginamos, não só em cães, mas também em humanos, principalmente crianças. É o ruído alto, intenso ou constante que faz com que o nosso cão esconda o rabo entre as pernas e procure um refúgio para se esconder, seja debaixo da cama, atrás do sofá ou no esconderijo favorito em algum lugar da casa. Veja algumas dicas:

1. Deixe seu cachorro se esconder onde quiser

Não tente forçá-lo a ficar com você ou em um quarto onde ele não queira. Se o seu cachorro quiser se esconder embaixo da cama, por exemplo, deixe que ele o faça. Se ele se sente seguro lá, não cometa o erro de tirar essa sensação de segurança. Quando chega uma tempestade e o cão fica com medo, ele precisa se proteger ou entrará em estado de pânico, o que pode levá-lo a latir sem parar ou até a apresentar algum comportamento inadequado, até mesmo morder.

Lembre-se de fechar janelas e até persianas para minimizar o barulho de chuva e trovão, pois quanto menos intenso, mais facilmente podemos acalmar nosso cão. Além disso, tire de perto do cãozinho qualquer objeto que possa fazer com que ele se machuque na hora do susto.

2. Fique calmo e lhe faça companhia

Sua calma é fundamental para que o cachorro não fique com mais medo. Se ele escondeu embaixo da cama, fique ao lado da cama e sente-se no chão para que ele possa vê-lo e saber que você está lá. Você pode cantar alguma coisa baixinho para fazer com que o peludo se sinta mais calmo e tranquilo. Se ele permitir que você encoste nele, faça carinho e tente conversar com o pet. O objetivo é transmitir calma e tranquilidade ao animal.

3. Tente distraí-lo

Se cão não se tranquilizar, tente entretê-lo com seu brinquedo favorito ou mesmo algum petisco especial para cães, a comida costuma sempre funcionar para distraí-los. Não o force a sair do esconderijo, apenas tente confortá-lo. O objetivo é que o cão foque sua atenção em você, no jogo ou na comida e que desta forma a tempestade e os ruídos da chuva ou do trovão fiquem em segundo plano.

4. Seja persistente

Provavelmente, o tutor não conseguirá eliminar o medo das tempestades de seu cão da noite para o dia. Por isso, é importante que você sempre faça companhia para ele durante esses momentos. O grande passo será quando o seu cão decidir sair do esconderijo para focar em você e esquecer do barulho. Assim, você verá que ele está realmente superando o medo. Por isso, nunca o deixe sozinho quando houver tempestade ou ruídos fortes.

5. Busque ajuda profissional

Alguns cães tendem a ficar mais assustados do que outros, logo, o medo de trovões pode se tornar algo sério, afetando bastante a qualidade de vida do animal. Além disso, esses tipos de fobia nunca se curam por conta própria. Se você não pode ajudar seu cão a superar, é melhor ir a um etologista canino, ele poderá tratar o seu amigo de quatro patas com medicamentos e terapias. Boa sorte!

Comentários